Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

07/12/2006 13:12

Produtores de MS vêem visita da OIE como positiva

Os dados negativos das exportações da carne bovina de Mato Grosso do Sul para os países da União Européia (UE) são os maiores reflexos da febre aftosa. A expectativa dos produtores está na visita dos técnicos da OIE, que chegaram ontem ao Estado.

“A expectativa da classe é positiva em relação a esta visita. Esperamos que o Estado possa receber o status de zona livre de aftosa, com vacinação, e em breve possamos voltar a exportar”, analisa o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (FAMASUL), Ademar Silva Júnior.

Depois da barreira sanitária, em outubro de 2005, as exportações para a União Européia caíram significativamente. De janeiro a outubro de 2005, o Estado exportou para os países da UE 273 toneladas de miudezas. No mesmo período desse ano a exportação teve queda de 65% e as vendas de Mato Grosso do Sul não chegaram a 100 toneladas (96 toneladas).

Outros dados de mercado, apresentados pela FAMASUL, também demonstram queda nas exportações da carne desossada fresca e da carne desossada congelada. Entre janeiro a outubro de 2005, Mato Grosso do Sul comercializou com a União Européia 10,14 mil toneladas de carne bovina desossada fresca, enquanto que no mesmo período desse ano foram apenas 429 toneladas, queda de 95,8%.

O presidente da FAMASUL está otimista com a visita. “Já há sinais de melhora nos preços pagos ao produtor e a abertura de novos mercados, após a certificação da OIE, ajudará a melhorar esta situação. Esperamos que a entidade dê um parecer favorável a todos os trabalhos realizados na região de fronteira pelos órgãos competentes”, analisa.

A missão fica até amanhã no Estado e depois segue para o Paraguai.


Fabiane Sato

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)