Cassilândia, Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

06/11/2008 13:21

Produção de grãos em MS deve cair até 2,2%

Osvaldo Júnior - Midiamax

Os produtores de Mato Grosso do Sul devem colher menos grãos na atual safra em relação a anterior, acompanhando o comportamento da produção nacional. Pelas projeções da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), a produção total de grãos no Estado deve recuar em até 2,2%, o que equivale a 190 mil toneladas a menos. Sem perceptiva de crescimento, o volume colhido de soja deve permanecer estável em relação à safra anterior.

De acordo com a Conab, o total de grãos produzidos em Mato Grosso do Sul deve variar de 8.441,7 mil toneladas a 8.497,4 mil toneladas. Esses volumes são, respectivamente, 2,2% e 1,6% inferiores às 8.631,7 mil toneladas produzidas na safra 2007/08. Essa produção menor corresponde a uma área inferior – a área plantada, nesta safra, deve ser de até 2.902,5 mil hectares, o que representa queda de 0,9% em relação às 2.928 mil hectares da safra passada. Considerando, o limite inferior (2.885,5 mil hectares) estimado pela Conab, o recuo de área será de 1,5%.

A queda de produção não é causada apenas pela redução de área, mas também pela menor produtividade. Conforme o levantamento da Conab, o produtor de Mato Grosso do Sul deve colher a média de 2.926 quilos por hectare, 0,7% frente à safra anterior, quando a produtividade foi de 2.948 quilos por hectare.

Soja

A produção de soja não deve crescer nesta safra em comparação à anterior. Pelo levantamento da Conab, o Estado deve encerrar a safra 2008/09 produzindo entre 4.557,9 mil toneladas e 4.590,5 mil toneladas do grão. Esses resultados são, respectivamente, 0,2% e 0,5% inferiores às 4.569,2 mil toneladas, que foram colhidas na safra 2007/08.

A área de soja deve reduzir até 2,5%, chegando a 1.688,1 mil hectares – na safra passada, a oleaginosa foi plantada no total de 1.731,4 mil hectares.

Outros produtos

Os grãos com as maiores quedas de produção são os seguintes: algodão em caroço (-12%), girassol (-6,3%), milho (-5,7%). Por outro lado, a produção dos seguintes grãos deve ser maior: trigo (62%), feijão (3,7%) e arroz (0,6%).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 23 de Janeiro de 2017
Domingo, 22 de Janeiro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 21 de Janeiro de 2017
20:55
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Sexta, 20 de Janeiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)