Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/01/2007 19:56

Procuradores de MS usarão veículos próprios a trabalho

Humberto Marques/Campo Grande News

A economia de combustível determinada pelo governador André Puccinelli (PMDB) nos órgãos da administração direta e indireta levou a Procuradoria-geral do Estado a restringir o uso de veículos oficiais. Circular interna divulgada hoje solicitou que os procuradores do Estado façam os deslocamentos à serviço da PGE (como para pesquisar processos no Tribunal Regional do Trabalho, Tribunal de Justiça, Fórum e cartórios) por conta própria. Os veículos pertencentes ao órgão serão utilizados apenas para o transporte de malotes.

As medidas incluem, ainda, que os serviços executados dentro do Parque dos Poderes sejam efetuados pelos “mirins” – office-boys – a pé. No caso de atendimentos do gabinete da PGE, os serviços serão executados pelos motoristas designados, mas também sem veículos. A circular foi assinada nesta quarta-feira (10 de janeiro) pelo procurador-geral do Estado, Rafael Coldibelli Francisco.

“Enquanto tiver o problema com o fornecimento de combustíveis evitaremos o uso de carros oficiais”, argumentou o procurador-geral. “Vamos ter de dar conta dos serviços, pois, se perder o prazo dos processos, a responsabilidade é do procurador. As atividades da PGE devem ser cumpridas”, justificou.

Segundo Francisco, os procuradores têm “senso de responsabilidade” para aceitar a medida, que não foi classificada por ele como “extrema”. “Ela é necessária, para termos continuidade do serviço. É a nossa parcela de contribuição, pois as restrições são uniformes para todos [os órgãos do Estado]”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)