Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

Últimas Notícias

06/02/2018 12:20

Procon também quer explicação sobre custo do boleto do DPVAT

Campo Grande News

O Procon de Mato Grosso do Sul abriu processo procedimento de investigação preliminar contra a seguradora Líder, responsável pela cobrança do Seguro Obrigatório DPVAT ((Seguro por Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre, ou por sua Carga, a Pessoas Transportadas). De acordo com o superintendente do Procon, Marcelo Salomão, até mesmo o custo do boleto, R$ 4,15, será questionando junto a empresa.

Salomão também questiona sobre a falta de clareza sobre o vencimento do seguro. “Abrimos a investigação preliminar para que a seguradora explique porque não houve informação clara ao consumidor. No boleto tem R$ 41,40 de prêmio tarifário, o IOF [R$ 0,17] e R$ 4,15 de custo do bilhete. O que é custo de bilhete? A seguradora tem que explicar qual é o valor deste cálculo”, questionou Salomão. Os R$ 41,40 são cobrados apenas para donos de carros. O prêmio tarifário para motociclistas é de R$ 180,65.

Salomão afirma que já questionou a empresa a respeito. A resposta é que não havia necessidade de esclarecer, já que em 2015 o Conselho Nacional de Seguro Privado havia emitido uma resolução coincidindo os vencimentos do seguro e da cota única do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores). “O IPVA não tem nada a ver com o DPVAT”, diz Salomão. Segundo ele, a seguradora deverá ser notificada até esta terça-feira.

Em caso de não pagamento do seguro a cobertura deixa de ser válida somente para o proprietário ou condutor do veículo. As demais vítimas seguem com direito à indenização.

Não há multa sobre o valor previsto, que é diferente conforme o tipo de veículo. A não quitação impede ainda obtenção do comprovante de licenciamento anual do veículo e pode render multa, mas o Detran só faz a verificação nas datas de vencimento do licenciamento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Agosto de 2018
Domingo, 19 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
Sábado, 18 de Agosto de 2018
09:00
Santo do dia
Sexta, 17 de Agosto de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)