Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/05/2015 15:07

Procon espera decisão da Justiça para suspender bloqueio de internet móvel em MS

Campo Grande News

No dia em que a Fundação Procon de São Paulo conseguiu na Justiça, liminar que impede as operadoras de telefonia celular de cortar a internet de planos ilimitados, a superintendência do Procon Mato Grosso do Sul afirma que existem três ações de efeito nacional tramitando em todo o país.

Rosemary Cecília da Costa, superintendente do Procon/MS, explica que as entidades de vários estados conversaram e decidiram impetrar a ação em regiões específicas. "Analisamos quais judiciais tem mais causas favoráveis ao consumidor e então decidimos onde entrar com a ação, que nesse caso pede que abranja todo o país".

A liminar conseguida hoje só vale para o estado de São Paulo e contratos fechados até 11 de maio. As operadoras Claro, Oi, Tim e Vivo não podem mais bloquear a internet de assinantes de planos ilimitados e caso descumpram, deverão pagar multa diária de R$ 25 mil.

Rosemary detalha ainda que há 30 dias realizou uma ação de fiscalização nas operadoras de celular da Capital, e constatou que ainda existem empresas que vendem internet ilimitada. Elas foram notificadas por publicidade enganosa e agora têm 90 dias para se manifestar.

Sobre a decisão de hoje abrir precedente, a superintendente afirma que cada judiciário tem um posicionamento. "O que eu posso fazer, é na minha manifestação citar o exemplo de outros estados, mas não garante que a decisão seja a mesma".

Corte - Desde o fim do ano passado, operadores tem cortado o acesso à rede dos clientes pré-pagos e controle. A pioneira foi a vivo, com corte foi iniciado em Minas Gerais e Rio Grande do Sul, mas, segundo a empresa, já foi implementado nacionalmente. Nos meses seguintes, a medida foi estendida aos planos pós-pagos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)