Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/08/2016 07:15

Presos ‘jogaram futebol’ com cabeça de preso decapitado durante rebelião

Midiamax

Presos chegaram a ‘jogar futebol’ com cabeça de um detento decapitado durante a rebelião da no Presídio de Segurança Máxima de Naviraí, confirmou o presidente do Sinsap/MS (Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária de Mato Grosso do Sul).

Além do detento morto decapitado, outro preso foi assassinado e sete ficaram feridos. O preso decapitado foi identificado como Fernando Florentino da Silva e o nome do outro preso morto é Luiz Fabiano Bezerra. Os dois estavam presos por tráfico de drogas.

A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) informou que após o fim da rebelião iniciada na tarde de quinta-feira (4) no Presídio de Segurança Máxima de Naviraí, cidade a 359 quilômetros de Campo Grande foi providenciado a transferência de 52 presos para outras unidades penais de Mato Grosso do Sul e a visitação de familiares no fim de semana está suspensa. Já as visitas estão suspensas até o próximo domingo (14), Dia dos Pais.

No local a situação foi controlada por volta das 7 horas da manhã de sexta-feira (5) após a ocupação pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar e segundo a Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) “agentes penitenciários da unidade e da região trabalharam e trabalham para que tudo volte à normalidade”.

O levantamento das avarias no presídio está sendo realizado para determinar quais reparos serão necessários. A agência diz que também já foi providenciado o restabelecimento de água e luz na unidade prisional, para a realização dos reparos iniciais. Os familiares dos internos mortos, bem como os detentos feridos, estão recebendo a assistência ainda segundo a Agepen.

Rebelião

Os presos iniciaram a briga por volta das 15 horas da quinta-feira (4) e depois de se recusarem a retornar para as celas após banho de sol, e ainda exigiam a retirada de alguns internos do presídio. Não houve reféns e segundo a Agepen, o reforço na segurança foi providenciado com o envio de mais agentes penitenciários e policiais militares da região e de localidade vizinhas para o presídio.

Dois internos foram mortos e sete foram encaminhados ao hospital para atendimentos médicos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)