Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/02/2015 15:35

Presidente diz que vai tentar realizar 1º concurso público na ALMS neste ano

Campo Grande News

O novo presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, deputado estadual Junior Mochi (PMDB), disse que vai tentar realizar o primeiro concurso público da Casa de Leis ainda neste ano. A pressão aumentou depois de o MPE (Ministério Público do Estado) ter instaurado inquérito para averiguar esta questão.

“Eu ainda não recebi a notificação. Mas é meu desejo fazer o concurso este ano”, afirmou Mochi nesta segunda-feira (2) durante a abertura das atividades legislativas. Segundo o deputado, ainda não foi definido o número de cargos que serão disponibilizados para preenchimento. “Ainda está sendo feito o levantamento”, resumiu.

Sobre os detalhes da realização da seleção, Mochi disse que a conversa já começou, mas preferiu manter em segredo. “Já estou conversando com os deputados para fazer o concurso, mas não posso abrir para vocês agora”, disse.

Apesar do MPE ter aberto inquérito sobre a questão, conforme publicação no Diário Oficial do Ministério Público de hoje, o ex-presidente da Assembleia, Jerson Domingos (PMDB), anunciou a realização do primeiro concurso público da Casa no dia da comemoração do servidor público, no ano passado.

O inquérito civil nº 052/2014 será conduzido pela 31ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da comarca de Campo Grande para “apurar suposta irregularidade na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul no que se refere à contratação de servidores sem a realização de concurso público”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)