Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/02/2005 13:44

Prejuízo com cheques sem fundos cresce 19%

Fernanda Mathias / Campo Grande News

O prejuízo da economia de Mato Grosso do Sul com cheques sem fundos no primeiro mês de 2005 foi 19% maior que em janeiro de 2004, segundo revelam os dados do Banco Central divulgados esta manhã. São R$ 95,5 milhões em cheques devolvidos por falta de fundos no mês passado contra R$ 79,8 milhões no primeiro mês de 2004.
Os dados revelam outro aumento, o do valor médio das folhas devolvidas, em 32%. Enquanto no ano passado a média por folha de cheques era de R$ 698,16, considerando 114,3 mil devolvidos, em janeiro deste ano passou a R$ 920,92, totalizando 103,7 mil. Assim é explicado o aumento do prejuízo enquanto o número de folhas devolvidas caiu.
Em dezembro do ano passado o montante prejudicado foi de R$ 117,6 milhões, o que significa que houve uma queda de 18,8%.
Um dos fatores que pode explicar o aumento dos calotes é que as vendas permaneceram aquecidas no mês de janeiro, devido às promoções do comércio para a liquidação de estoques. Conforme o SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), termômetro das vendas a prazo, houve em janeiro um crescimento de 14,86% nas consultas em relação ao mesmo período de 2004, o que significa um total de 117.081.
O número de pessoas que tinham registro no cadastro de devedores aumentou em 10% este ano, totalizando 25,1 mil. Isso representa 21,46% do total de consultados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)