Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/08/2016 13:04

Prefeito investigado diz que vai provar a sua inocência

riscilla Peres e Viviane Oliveira, Campo Grande News

Acusado de 12 crimes que envolvem desvio de recursos públicos, o prefeito de Jaraguari - distante 44 km da Capital, Vagner Gomes Vilela (PDT) afirma que as denúncias da polícia civil são falsas e que "tudo será esclarecido". Ele foi alvo da Operação Meteoro desencadeada hoje.

Além de documentos, a polícia civil apreendeu duas armas de fogo, de calibre 38 e 22, na residência do pai e do sofro de Vagner. Ambos foram presos em flagrante,mas foram liberados após pagamento de fiança. Na residência dos vereadores investigados, foram encontradas munições.

Tentando demonstrar tranquilidade, o prefeito disse que acordou com a polícia na porta de sua casa. Após buscas, foram levados documentos relacionados a prefeitura. A Polícia Civil cumpriu 20 mandados de busca e apreensão nesta manhã.

"Fico surpreso com a operação e curioso por não saber o desfecho. Assim que liberarem a prefeitura, vou me reunir com o setor jurídico parar tomar conhecimento das acusações", afirma ele, ao relembrar que todos os documentos foram foram disponibilizado à polícia.

Sobre a suspeita de desvio estimada em R$ 8 milhões, ele afirma que "isso não existe". "É um absurdo. Nosso município é pequeno e o orçamento é de R$ 20 milhões, se andar pela cidade vai perceber que eu fiz benfeitorias".

Sobre as acusações de fraude na licitação de uma borracharia, que evoluiu o gasto anual de R$ 14 mil para R$ 170 mil, ele afirma que houve aumento na frota de veículos. "Quando eu assumi, a frota aumentou em 40 veículos, o que elevou os gastos com a borracharia", afirma Vagner.

Em relação as denúncias de lavagem de dinheiro e do recurso usado por seus familiares para a compra de gado, Vagner se defende dizendo que ambas as famílias sempre tiveram negócios com o segmento.

Ele ainda afirma, que usará documentos para provar sua inocência. Porém, falsificação de documentos é uma das situações investigadas pela polícia civil.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)