Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/03/2005 14:56

Preço da arroba torna pecuária inviável, diz Laucídio

Aline dos Santos e Aline Rocha / Campo Grande News

Para o presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), Laucídio Coelho Neto, uma forma de contornar a crise que o setor da pecuária atravessa é a redução na oferta de animais. “É preciso deixar claro que esta não é uma medida para desestabilizar a economia do Estado, mas sim para reverter a queda no preço da arroba”, assegura.
Segundo o presidente da Acrissul, o preço da arroba está longe do ideal. “Um valor possível - para compensar os gastos da produção - seria R$ 60; hoje a arroba está valendo apenas R$ 54, o que torna a atividade inviável”.
Outro aspecto, que segundo Laucídio Coelho Neto, precisa ser revertido é o aumento no abate de matrizes. “O abate em 2004 e início de 2005 está na casa dos 50%, uma quantidade elevada, o normal seria abater até 38% das matrizes ”, afirma.
O presidente da Acrissul é um dos participantes do Fórum Nacional da Pecuária de Corte, que está acontecendo no Parque de Exposições Laucídio Coelho, em Campo Grande.
O fórum reúne cerca de 300 pecuaristas de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Goiás e Distrito Federal.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)