Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/01/2005 08:50

Prazo para troca de extintor de carro atende à indústria

Agência Brasil

O prazo de cinco anos para os motoristas trocarem o antigo extintor de incêndio BC pelo modelo ABC, estabelecido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), foi estipulado de acordo com a capacidade da própria indústria brasileira de extintores.

"Vai haver uma substituição de tecnologia e a indústria concluiu que o prazo para as adequações necessárias era viável", informa o coordenador de infra-estrutura de trânsito do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), Carlos Leitão.

A resolução que trata dos extintores de incêndio para os veículos é de 22 de abril de 2004 e foi publicada no Diário Oficial da União em 7 de maio. Ela determina que, a partir de 1 de janeiro de 2005, todos os veículos deverão sair de fábrica já com o novo modelo de extintor, de pó ABC.

Os extintores de veículos já em circulação só precisam ser substituídos no fim da validade que aparece no cilindro. A partir de 1º de janeiro de 2010, todos os veículos já deverão estar com os novos extintores. "É o prazo que consta na resolução aprovada pelo Contran em abril de 2004", explica Leitão.

De acordo com o coordenador, a decisão foi baseada em estudos desenvolvidos na câmara temática de assuntos veiculares desde 2000. Os estudos identificaram que o agente extintor BC já havia sido substituído pelo agente ABC em todo o mundo. "Esse novo agente tem maior eficácia, maior capacidade extintora. Houve uma inovação tecnológica", afirma Leitão.

Além disso, segundo o coordenador Carlos Leitão, a questão da durabilidade também foi levada em conta. O extintor BC tem vida útil de 5 anos, sendo que ele tem de ser submetido a duas recargas, uma no fim do terceiro ano e outra no fim do quarto, segundo o regulamento. O extintor novo tem prazo de validade de 5 anos e não precisa ser recarregado. Caso não seja usado, deve ser trocado depois de 5 anos.

O preço do novo equipamento no mercado, segundo o Denatran, seria entre R$ 70,00 e R$ 80,00. Leitão diz que o preço do extintor de pó BC, somado ao preço das recargas, sai quase pelo mesmo valor do extintor novo. A partir de 2010, os motoristas que não possuírem o modelo ABC serão multados. O Código de Trânsito estabelece que "conduzir um veículo sem equipamentos obrigatórios ou estando estes ineficientes ou inoperantes" caracteriza infração, com multa de R$127,60.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)