Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/11/2006 08:29

PPS, PMN e PHS aprovam criação de partido

Paulo Fernandes/Campo Grande News

PMN, PHS e PPS aprovaram a fusão para a criação da MD (Mobilização Democrática), partido que nascerá com 27 deputados federais (22 eleitos pelo PPS, três pelo PMN, e dois pelo PHS), sendo a sexta maior bancada da Câmara dos Deputados. Com a fusão, os partidos superam a cláusula de barreira.


A MD contará também com um senador, dois governadores (RO e MT - eleitos pelo PPS), três vice-governadores (TO e MA, pelo PPS, e AM - pelo PMN), 81 deputados estaduais (42 eleitos pelo PPS, 32 pelo PMN e 7 pelo PHS), 367 prefeitos (307 do PPS, 31 do PMN, e 29 do PHS), além de quase quatro mil vereadores.

O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, presidirá o novo partido. Ele já declarou, conforme o site do PPS, que a MD seguirá o caminho de oposição.

Hoje, delegados, dirigentes e militantes dos três partidos participam de um congresso para oficializar a criação da MD, eleger sua direção nacional, aprovar estatuto, programa e manifesto e definir o número do novo partido. O evento acontece das 9 às 13 horas (MS), na Câmara dos Deputados. Após a fusão, o novo partido terá mesmo tempo de televisão que PT, PMDB e PSDB.

Os pepessistas sul-mato-grossenses elegeram como delegados Eliane Gordo, Jânio Macedo e Lamartine Ribeiro para participar do Congresso Nacional Extraordinário. A reunião também terá a presença dos delegados permanentes Athayde Nery, Fausto Mato Grosso, Geraldo Resende, Luiza Ribeiro e Yonne Orro – todos membros do diretório nacional.

Cláusula de barreira - Definida pela Lei dos Partidos Políticos, a cláusula de barreira impede que o partido que não tenha alcançado 5% dos votos apurados no último pleito para a Câmara dos Deputados, distribuídos em pelo menos nove estados brasileiros, tenha acesso ao fundo partidário, propaganda de rádio e televisão e espaço nas comissões do Congresso Nacional.

No último pleito, o PPS teve 4,1% dos votos e fez 22 deputados federais. O PMN fez três com 0,9% dos votos e o PHS obteve 0,35% dos votos, percentual que foi suficiente para eleger dois representantes do partido na Câmara dos Deputados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)