Cassilândia, Terça-feira, 24 de Janeiro de 2017

Últimas Notícias

10/11/2007 18:03

Por ‘apenas’ R$ 1.027,00, Flamengo não consegue recorde

Rio de Janeiro (RJ) - Por muito pouco, o Flamengo não conseguiu mais um recorde neste Campeonato Brasileiro. Neste sábado, a diretoria de arrecadação do clube carioca já divulgou a renda do jogo contra o Santos, que será neste domingo, no Maracanã, e por ‘apenas’ R$ 1.027,00 o recorde de renda do torneio não foi quebrado.
Com todos os 81.844 ingressos vendidos até a última quinta-feira – novo recorde de público da temporada -, a arrecadação é de mais de um milhão de reais – exatos R$ 1.085.790,00. A maior renda deste Brasileirão pertence ao São Paulo no jogo contra o América-RN, no último dia 31, que valeu a conquista do pentacampeonato.

A explicação para o Flamengo ter o recorde de público, mas não a de renda, está na ponta da língua para o diretor de marketing do clube carioca, Ricardo Jorge. “Fizemos um estudo neste ano e constatamos que o Flamengo está em 10º lugar entre os ingressos mais caros do Brasileirão. Nosso torcedor paga mais barato, em média, que os torcedores do São Paulo ou Santos”, afirmou.

Com o recorde batido para a partida deste domingo, o Flamengo tem agora sete dos 10 maiores públicos deste Campeonato Brasileiro. E ainda falta uma partida em casa para a equipe carioca. Será no dia 25, novamente no Maracanã, contra o Atlético Paranaense.

Por: Gazeta Esportiva

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 24 de Janeiro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 23 de Janeiro de 2017
20:53
Loteria
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)