Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

07/03/2006 07:04

Ponte: Luizinho recebe informações sobre verba

Aline Avancini

O Ministério dos Transportes encaminhou ofício, à Assembléia Legislativa, no final do mês passado, respondendo ao questionamento sobre a demora na liberação dos recursos destinados a obra na ponte rodoferroviária entre os municípios de Aparecida do Taboado, em Mato Grosso do Sul, e Rubinéia, no Estado de São Paulo. No relatório, a causa apontada pelo Ministério para o atraso é a de que o Governo de São Paulo ainda não encaminhou toda a documentação necessária para a assinatura do convênio entre o Estado paulista e a União. Somente a partir do convênio, o restante da verba será encaminhada. A solicitação por informações acerca da obra da ponte rodoferroviária foi proposta pelo deputado estadual Luizinho Tenório (PL), em setembro do ano passado.
Segundo o Ministério, “foram alocados no Orçamento de 2005 do Dnit (Departamento Nacional de Infra-estrutura e Transporte) recursos, no valor de R$ 10 milhões, para a recuperação e obras de conclusão da ponte rodoferroviária em referência”. No entanto, até agora só foram liberados R$2,7 milhões para recuperação emergencial da ponte.
O deputado explicou que a resposta do Ministério dos Transportes sobre a demora na liberação dos mais de R$ 7 milhões restantes é a de que “o saldo restante do dinheiro encontra-se no aguardo do recebimento da documentação necessária para a lavratura do convênio, mas até agora nada”, disse, frisando que pretende agendar encontro com vereadores e deputados paulistas, com o intuito de agilizar o processo.
Entretanto, para o término da obra da ponte rodoferroviária são necessários, além dos R$ 10 milhões, mais R$ 13 milhões. Atualmente, por meio da liberação do recurso inicial (R$ 2,7 milhões), durante o final do ano passado, é o 10º Batalhão de Construção e Engenharia do Exército Brasileiro, sediado em Lages (Santa Catarina), quem está executando o trabalho.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)