Cassilândia, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

02/06/2016 13:00

Polícia segue em negociação para retirar ocupantes de hotel em Brasília

Andreia Verdélio – Repórter da Agência Brasil

 

O prédio abandonado do antigo Torre Palace Hotel, um edifício de 14 andares e 140 apartamentos localizado na região central de Brasília, continua ocupado por manifestantes do Movimento Resistência Popular, grupo que luta pelo direito à moradia no Distrito Federal.

A Polícia Militar do Distrito Federal (PM-DF) informou que cerca de 12 pessoas estão no prédio, incluindo duas crianças, e que as negociações para a saída deles estão em andamento. "Podem ter mais pessoas, já que o prédio tem muitos quartos", disse o chefe da Comunicação Social da PM, coronel Antônio Carlos.

A desocupação começou na manhã de ontem, mas foi interrompida depois que parte dos manifestantes deixaram o prédio. Abandonado desde 2013, o edifício foi ocupado em outubro de 2015 por cerca de 150 pessoas do movimento, mas já vinha sendo invadido antes por usuários de drogas. A reintegração de posse foi autorizada pela Justiça em decisão de 2ª instância, no dia 24 de maio.

Brasília - Ocupado pelo Movimento Resistência Popular, o Hotel Torre Palace, localizado próximo à Torre de TV, região central de Brasília, passa por operação policial para desocupação. A PM do Distrito Federal
Brasília - Ocupantes resistem em deixar o Hotel Torre Palace Elza Fiuza/Agência Brasil; Agencia Brasil
Além das forças de segurança, equipes da Defesa Civil e secretarias de Habitação, de Desenvolvimento Social e de Ordem Pública Social estão no local acompanhando as negociações para a saída dos manifestantes.

O edifício, localizado no Setro Hoteleiro Norte, área nobre de Brasília, está isolado, sem água e sem energia elétrica. A via N1, em frente ao Eixo Monumental, está bloqueada em frente ao hotel.

Segundo a PM, as pedras e pedaços de madeira espalhados pela rua, foram jogados de cima pelos ocupantes. Cerca de 40 pessoas que deixaram o prédio ontem continuam do lado de fora. Doriana Nunes é uma das coordenadoras do movimento e também saiu do prédio ontem. Ela disse que os manifestantes resistirão à ocupação. "Se subir, vai cair", disse ela.

Edição: Denise Griesinger

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 25 de Setembro de 2017
Domingo, 24 de Setembro de 2017
18:01
Município suspende aulas
11:00
Mundo fitness
10:00
Receita do dia
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)