Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/04/2016 07:30

Polícia prende quadrilha que furtava gado 'à luz do luar'

Midiamax

Policiais do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) e da Delegacia de Polícia da cidade de Ribas do Rio Pardo, localizada a 97 quilômetros de Campo Grande prenderam oito pessoas acusadas de roubo de gado na área rural do município. O grupo aproveitava a luz da lua cheia para agir.

De acordo com informações policiais, a polícia já vinha investigando a incidência de furtos de gado (abigeato) e de maquinário agrícola na região. Após tomar conhecimento que os integrantes da quadrilha, na sua maioria, já haviam sido presos ou investigados por crime dessa natureza, a polícia passou a monitorá-los.

O grupo agia sempre de forma organizada, sendo que cada um deles tinha sua tarefa especifica na ação desenvolvida, havendo o responsável pelo levantamento das propriedades cuja vigilância era vulnerável, responsáveis pelo manejo do gado dentro da propriedade, pelo transporte e ainda os chefes que controlavam toda a ação do grupo. A polícia também tomou ciência da preferência deles em agir durante o período de lua cheia, pois isso facilita o manejo do gado durante a madrugada.

Diante destas informações a polícia passou a monitorar postos de gasolina da região e em uma determinada noite recebeu a informação de que três caminhões haviam abastecidos no Posto de Gasolina Cervantes no município de Água Clara e seguiram para Ribas do Rio Pardo. Um barreira foi montada e em um ponto da MS-357 o grupo foi preso quando transportavam um total de 90 cabeças de gado que haviam furtado da Fazenda Santa Rita .

Ainda segundo a polícia, o grupo era liderado por F. L. M., de 40 anos, que contava com o apoio operacional de D.A.A, de 39 anos, sendo que o primeiro já havia sido investigado por esse mesmo tipo de crime e o segundo já havia sido preso em flagrante pela prática.

J.C.L., de 54 anos, ficou encarregado de efetuar o levantamento das propriedades com pouca vigilância e que poderiam ser alvo fáceis para a ação do bando. E.S.S., de 38 anos, e S.L.D, de 40, desempenhavam funções de manejo do gado. Já os irmãos C.J.F., de 44, M.A.F, de 33, e J.C.A.S, de 29 anos, atuavam como transportadores do rebanho subtraído já que são proprietários de caminhões boiadeiros e para isso receberiam R$ 5 mil e mais o combustível.

A polícia ainda investiga a participação de outras pessoas no crime, já que para viabilizar o transporte foram emitidos guias de transporte animal ideologicamente falsos. Serão investigadas as ações de contabilistas, emissores e destinatários. A movimentação aconteceu em Água Clara e o rebanho subtraído, ao que tudo indica, teria como destino o Estado de São Paulo, mais precisamente a cidade de Araçatuba.

Foram apreendidos três caminhões Mercedes Benz além de uma motocicleta e uma caminhonete VW Amarok, que já foi apreendida em outras duas ações criminosas de furto de gado, onde ele sempre atuava como “batedor”. A quadrilha responderá por organização criminosa, furto qualificado, falsidade ideológica e uso de documento ideologicamente falso.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)