Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/03/2007 09:54

Polícia prende quadrilha de roubo de cobre

24 horasnews

A Delegacia de Roubo de Carga do Deic (Departamento de Investigações sobre Crime Organizado) identificou o principal receptador de carga roubada de cobre do Brasil. O advogado e empresário Manoel do Canto Neto, foi preso na sexta-feira (9) sob suspeita de receptação e formação de quadrilha.

Canto Neto conseguiu a liberdade provisória no domingo (11), mas Izoli Alves de Oliveira, apontado como seu sócio, também preso na sexta, continua detido. Outras quatro pessoas envolvidas no esquema acabaram detidas durante a chamada Operação Vil Metal.

As equipes cumpriram 28 mandados de busca e apreensão. O objetivo maior foi recolher documentos, principalmente notas fiscais falsas. O balanço completo da operação deverá ser concluído terça-feira.

Os policiais detectaram que três núcleos têm em em comum a produção de notas fiscais falsas. De acordo com o Deic, o núcleo batizado de "Interestadual" é controlado por Dagoberto Silva e Antônio Luiz Santos Pinto.

Eles utilizam quatro empresas de fachada para comercializar cobre. As ramificações atingem os Estados de Minas Gerais, Mato Grosso, Sergipe, Rio Grande do Sul e Espírito Santo.

Canto Neto e Oliveira são os responsáveis pelo núcleo "Generalizado", de acordo com o Deic. Eles são suspeitos de comprar e comercializar cobre ilícito, além de "esquentar" o produto utilizando notas fiscais falsas.

No terceiro núcleo, chamado de "Caipira", concentravam-se os suspeitos de manter a estrutura fiscal e também receptar mercadorias como combustíveis e tecidos. Esse grupo tinha ficava em Paulínia (126 km a noroeste de São Paulo). Quatro pessoas foram presas.

Os presos são Geraldo Naves de Azevedo, o Marião, Alexandre da Silva, André Luiz Buglini, e Jovailton dos Santos, todos envolvidos na venda de notas fiscais.

Foram alvos da operação empresas nas cidades de Mauá, Leme, Rio Claro, Paulínia, Ribeirão Preto, Jandira e Salto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)