Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/05/2014 11:15

Polícia Militar Ambiental de Costa Rica terá sede própria ainda este ano

Notícias MS

Está sendo construida pelo Governo do Estado em Costa Rica a nova sede da Polícia Militar Ambiental (PMA), em um terreno de mil metros quadrados doado ao Estado pela prefeitura, que realizou também a terraplanagem da área, localizada próxima às margens do rio Sucuriú.

Esta semana, acompanhado do comandante da PMA no município, tenente Anderson Ortiz, o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Jacini, visitou a obra do prédio, que terá 300 metros quadrados e contará com depósito, recepção, sala de guarda, banheiros masculino e feminino, seção de materiais, sala de comando, alojamento, cozinha, sala de gerenciamento de crises e auditório com capacidade para 30 pessoas.

Orçada em R$ 300 mil, com conclusão prevista para até o final do mês de julho, a obra esta sendo erguida através de parcerias com o Conselho Municipal de Segurança de Costa Rica (Conseg), Poder Judiciário, Ministério Público Estadual e prefeitura. Para Jacini, a nova sede da PMA é de extrema importância para a região do Bolsão.

“Muitas cidades do entorno serão beneficiadas com essa obra, que com infraestrutura, permitirá que o Estado, através da PMA ofereça um serviço de melhor qualidade a população, possibilitando que além de reprimir as práticas de crimes, que sejam oferecidos a comunidade serviços importantes, como por exemplo, a educação ambiental de crianças e adultos”, lembrou.

Unir esforços

Márcio Rodrigues, presidente do Conseg, também acompanhou a visita e explicou ao secretário o funcionamento do conselho, afirmando que é motivo de orgulho para Costa Rica e a vontade do prefeito Waldeli dos Santos Rosa de consolidar essa parceria. "Nada é feito por uma única pessoa. Muita gente colocou a mão na massa para que um sonho desse porte fosse realizado”, frisou.

O tenente Anderson Ortiz lembrou que a segurança pública do município vive um dos melhores momentos dos últimos 10 anos. “A segurança pública é dever do Estado, mas é também responsabilidade de todos, por isso estamos unindo esforços para tirar da cabeça os sonhos e do papel os projetos, que começam a fazer parte da realidade do cidadão costarriquense”, disse o comandante da PMA.

Para o prefeito, a instalação da sede própria da PMA representa a concretização de um sonho. "As demandas crescem e esse prédio é uma necessidade. É uma alegria muito grande participar desse momento”, frisou Waldeli Rosa.

Fiscalização

De acordo com Anderson Ortiz, com o desenvolvimento do município e da região do Bolsão, com a implantação de asfalto na MS-356, interligando Mato Grosso do Sul a Mato Grosso, através do trecho Costa Rica-Alto Taquari, a circulação diária de caminhões na cidade passou a ser de mais de mil.

Segundo o tenente são transportados nesses veículos cargas de madeira ilegal, vindas da região norte e vários produtos perigosos. “É atribuição da PMA combater este tipo de crime, que além de impactar diretamente o meio ambiente, trazem danos irreparáveis a sociedade”, destacou Ortiz.

Outro importante trabalho realizado pela PMA no município e toda a região é o combate à caça e pesca predatórias, especialmente na bacia do Taquari. “Em 2010, quando a PMA chegou no município, muitas pessoas tinham a cultura de praticar por exemplo a caça e a pesca ilegais, mas nesses últimos anos com as constantes ações que realizamos na cidade, essa mentalidade esta mudando”, finalizou.

Parabéns ao Ten Ortiz pela conquista e ressaltar o empenho das autoridades, lembrando que a unidade de Costa Rica é a unidade da PMA mais nova e subordinada a PMA de Cassilândia e já irá ter sua sede própria. Isso significa que será permanente na cidade de Costa Rica a PMA, não correndo risco de serem transferidos para outra cidade.
 
Wilmar Pires em 15/05/2014 13:03:43
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)