Cassilândia, Domingo, 30 de Abril de 2017

Últimas Notícias

22/01/2008 17:37

Polícia já fala em retrato falado de raptor de Dudu

Ângela Kempfer/Campo Grande News
reproduçãoreprodução

A Polícia Civil diz já ter condições de fazer o retrato falado do possível raptor de Luis Eduardo Gonçalves, o Dudu, desaparecido há um mês. Segundo a investigadora Maria Campos, que acompanha o caso desde a última sexta-feira, tudo indica que o garoto está vivo, mas é forçado a pedir dinheiro e vender coisas na rua. Várias pessoas teriam procurado a Polícia e em depoimento revelado características semelhantes de um homem visto com o garoto na periferia de Campo Grande. “Não tem porque duvidar dessas testemunhas. São pessoas idôneas, que não têm motivo para mentir e as informações são muito parecidas”, diz Maria Campos.

Na semana passada uma nova testemunha surgiu e ainda hoje fotos devem ser apresentadas a mulher para
possível reconhecimento. “Temos alguns suspeitos e queremos ver se ela reconhece um deles como sendo o homem que está com o menino”.

Mesmo garantindo ter visto Dudu, ninguém nunca chegou a perguntar algo ao menino ou informado a polícia no exato momento do contato para que fosse feito flagrante. O que parece estranho e levanta suspeitas sobre a veracidade das informações, segundo Maria Campos não é difícil de entender. “A primeira reação das pessoas é não se envolver, só depois pensam e denunciam.”

A possibilidade de assassinato não é descartada, mas a investigadora diz que a exploração é o mais provável diante dos últimos depoimentos. “Trabalho com a hipótese de encontrar ele vivo. Hoje passei a manhã verificando informações que reforçam essa teoria”, informou a policial.

Outra estratégia de investigação, seria estreitar o contato com a família para descobrir detalhes sobre os dias que antecederam o desaparecimento, na tentativa de descobrir o que realmente ocorreu “juntando detalhes”, justifica Maria Campos que deveria estar de férias até 7 de fevereiro, mas foi chamada para reforçar a equipe de investigação no caso Dudu pela experiência em localizar desaparecidos.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 29 de Abril de 2017
Sexta, 28 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)