Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/03/2016 13:00

Polícia e próprio Facebook pedem que pais postem menos sobre filhos

Bolsa de Mulher

Postar fotos dos filhos nas redes sociais pode ser um hábito aparentemente inofensivo com a simples intenção de mostrar momentos fofinhos ou engraçados aos amigos e familiares. A prática, no entanto, pode apresentar sérios riscos. Depois da campanha “Desafio da Maternidade”, autoridades internacionais fizeram alertas importantes aos pais. Nos últimos meses, até o Facebook chegou a se pronunciar sobre a questão.

Depois da popularização da campanha “Motherhood Challenge”, no Brasil difundida como “Desafio da Maternidade”, corrente online em que mães eram convidadas a postar fotos dos filhos em vários momentos da vida, a polícia da França fez um comunicado oficial dizendo que é compreensível o orgulho que os pais sentem de suas crianças, mas, que é preciso ter cautela na divulgação dessas imagens.

Riscos de colocar fotos dos filhos na internet

De acordo com site americano de cultura e tecnologia The Verge, a instituição se manifestou dessa maneira por três motivos. Dois deles servem de reflexão para pais de qualquer nação:

Mau uso das imagens

O primeiro deles é o risco de as imagens serem acessadas por pessoas mal-intencionadas, chamadas pelos franceses de “predadores sexuais”, que podem disponibilizá-las em sites de pedofilia. A divulgação ainda pode facilitar a ação de criminosos no planejamento de roubos ou sequestros.

Constrangimento posterior

Outro motivo dado pela polícia são os impactos sociais e psicológicos que essas imagens podem ter posteriormente. Ao crescer, a criança pode se deparar com relatos e fotos antigas e se sentir constrangida ou traumatizada.

Processos

De acordo com o site, na Europa, filhos ainda podem processar pais, responsáveis pela proteção da sua imagem, por violação de privacidade. Para estes casos, a lei prevê multa e até um ano de prisão.

Ferramenta do Facebook para proteger crianças

O problema pode tomar proporções tão grandes que até os dirigentes das redes sociais estão se manifestando. Em novembro de 2015, em uma conferência internacional realizada em Londres, Jay Parikh, vice-presidente de engenharia do Facebook, disse que a empresa considera disponibilizar uma ferramenta para fazer alertas aos pais no momento em que eles fossem publicar registros dos pequenos. Para mostrar como ele funcionaria, Jay exemplificou: “Se eu fosse fazer o upload de uma foto dos meus filhos brincando no parque e, acidentalmente, compartilhasse com o público geral, este sistema poderia dizer: 'Ei, espere um minuto, esta é uma foto de seus filhos. Normalmente você posta isso apenas para membros da sua família. Você tem certeza que quer fazer isso?'”

Como postar fotos dos filhos com segurança na internet

Para poder fazer as publicações com segurança, especialistas recomendam:

Não postar fotos de crianças nuas no banho ou na piscina. Além de constrangê-la, elas são um prato cheio para indivíduos mal-intencionados;

Deixar a visualização apenas para amigos e não para o público em geral;

Não ativar a localização das postagens para que nenhum desconhecido descubra os lugares frequentados pela família;

Não colocar fotos dos pequenos com o uniforme da escola, na frente do colégio ou residência para evitar que os lugares frequentados sejam identificados;

Não postar fotos de outras crianças, como amigos da escola ou do clube, sem que os responsáveis permitam;

Não divulgar imagens da criança perto de bens de valor da família, como veículos ou itens tecnológicos;

Não postar imagens em alta resolução, já que elas podem ser facilmente editadas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)