Cassilândia, Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

01/09/2020 16:01

Polícia Civil Costa Rica assume investigação de incêndio que quase mãe e bebê

Jovem foi enforcada até desmaiar por um homem encapuzado

MS Todo o dia
Polícia Civil  Costa Rica assume investigação de incêndio que quase mãe e bebê

A Polícia Civil de Costa Rica assumiu as investigações do incêndio ocorrido na tarde desta segunda-feira (31), em Alcinópolis, que quase terminou com um adolescente de 17 anos e o filho de 1 ano e cinco meses mortos. De acordo com o delegado Gustavo Mendes, a equipe recebeu o relatório da ocorrência na manhã desta terça-feira (01).

“Estamos fazendo alguns levantamentos e tentamos descobrir a localização do autor”, disse o delegado. O caso foi repassado para Costa Rica, tendo em vista que a fazenda onde tudo ocorreu fica na circunscrição de Costa Rica.

Conforme noticiado ontem, a garota foi enforcada por um homem encapuzado e teve a casa incendiada. Ela chegou a desmaiar, mas acordou a tempo e conseguiu se salvar com o bebê. De acordo com informações do boletim de ocorrência, a jovem foi socorrida e encaminhada para atendimento médico.

Ela contou que mora na fazenda Pontal da Torre com o esposo e o filho. O companheiro teria saído para realizar afazeres na fazenda, momento em que a jovem foi surpreendida pelas costas por um homem encapuzado.

Após isso, o suspeito a enforcou até que ela desmaiasse. A jovem relatou que acordou com o choro do filho, com a casa já em chamas. Ela saiu pela janela da residência e procurou socorro. A Polícia Militar, Civil e perícia estiveram no local. A casa ficou destruída, a jovem com ferimentos e o bebê não teve lesões, conforme o boletim.

FONTE: MS TODO DIA

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 28 de Outubro de 2020
Terça, 27 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)