Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/11/2007 07:29

Polícia afasta dois delegados e superintendente

Mariana Jungmann /ABr

Brasília - A delegada que lavrou a ocorrência de furto da jovem que ficou presa por 20 dias numa cela com 20 homens em Abaetetuba, no interior do Pará, foi ontem (21) afastada da polícia por tempo indeterminado, informou a Secretaria de Segurança Pública do estado.

Além da delegada Flávia Verônica, foram afastados das funções o delegado titular da delegacia da cidade e o superintendente da Polícia Civil na região, Fernando Cunha. Caso a responsabilidade dos delegados pela prisão da moça junto com 20 homens na mesma cela seja comprovada, eles podem ser exonerados.

Ainda segundo o comunicado, o caso está sendo investigado pelo Ministério Público, que instaurou procedimento criminal.

A Secretaria de Segurança Pública do Pará ainda não tem certeza sobre a idade da vítima. Ela alega ter 15 anos, mas a polícia diz que a moça tem duas certidões de nascimento e pode ter 19 anos. A jovem fará exames na arcada dentária para determinar a idade.

A ordem de serviço que determina o afastamento dos três delegados foi publicada hoje (21) no Diário Oficial do Estado do Pará. A apuração preliminar dos fatos pela Secretaria de Segurança Pública tem prazo máximo de um mês para ser concluída.

Segundo a Polícia Civil do Pará, o município de Abaetetuba não tem carceragem feminina. Por isso, a garota foi presa junto com os homens.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)