Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/09/2007 15:50

Poderes já pediram R$ 20 milhões ao governo para o 13º

Sandra Luz e Graciliano Rocha - Campo Grande News

Os poderes de Mato Grosso já pediram um repasse extra de R$ 20 milhões ao governador André Puccinelli (PMDB) para custear o décimo terceiro salário dos servidores. Conforme o governador, o recurso é a soma dos pleitos da Assembléia Legislativa, MPE (Ministério Público Estadual), TCE (Tribunal de Contas do Estado) e Tribunal de Justiça.

Puccinelli revelou que ainda não vai responder ao pedido do dinheiro extra dos poderes porque deve, primeiro, pagar a folha dos servidores do Estado. Ele voltou a afirmar que o gasto com o décimo terceiro do funcionalismo público ficará em R$ 135 milhões. O dinheiro deve estar na conta até 21 de dezembro, conforme o cronograma de pagamento já divulgado pelo governo.

Puccinelli repetiu em várias situações que pretende quitar o 13º sem precisar recorrer a empréstimo.No começo do ano, o governo obteve recursos com o Banco do Brasil para quitar a folha de dezembro, que não foi paga pelo Governo Zeca e com isso fez desembolsos mensais. O fim do pagamento desta dívida, chegou a dizer Puccinelli, permitiria ao governo começar a fazer um caixa.

No ano passado, os poderes receberam juntos 19% da receita líquida do Estado. Este ano, com os cortes impostos, os repasses caíram a 16%. A Assembléia Legislativa, por exemplo, ficava com uma fatia de 4,48% até o ano passado. Em 2007, baixou a 3,3%. Desde o primeiro semestre, o presidente da Casa, Jérson Domingos (PMDB), já falava em falta de recursos para o décimo terceiro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)