Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/02/2009 10:22

PM de Chapadão é preso por atirar na esposa, grávida

Jovem Sul News

No início da tarde desta quinta-feira, 12 de fevereiro, às 13 horas, uma mulher deu entrada no Hospital Municipal de Chapadão do Sul com ferimento à bala no tórax e com sinais de duas pancadas na cabeça.

Trata-se de Lúbia de Jesus Silva, 19 anos, grávida de quatro meses, amásia de Aroldo Tavares Lira, o Cabo Lira, 47 anos, da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, lotado em Chapadão do Sul. Segundo ela, Lira levou-a para um matagal, próximo ao Rio Aporé, distante 7 Km da cidade, e tentou matá-la.

Segundo o pai da vítima, Elias Rodrigues Silva, a filha disse que sofreu uma coronhada na cabeça e desmaiou. Ao retomar sua consciência, teria sofrido nova coronhada e um tiro no tórax, abaixo do braço.

A mulher pediu água ao policial, que tirou a blusa da moça e foi até o rio para encharcar a peça de roupa. A mulher aproveitou a ausência do policial e fugiu. Foi até um Posto Fiscal existente na BR 060 e pediu socorro.

Lira foi detido e autuado em flagrante. O delegado de Polícia de Chapadão do Sul, Lúcio Fátima, disse que o policial usou de seu direito constitucional de só falar em juízo.

Cabo Lira será levado para o presídio militar de Campo Grande.

Lúbia foi atendida no Hospital Municipal de Chapadão do Sul e transferida para Campo Grande em estado grave. Acompanhou a mulher o médico Dr. João Buzoli.

O pai da vítima falou que o crime pode ser por motivos passionais, já que o policial sempre demonstrou ter ciúmes da mulher, que tem um filho com outro homem.


Fonte: jovemsulnews (Norbertino)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)