Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/12/2010 08:26

Plantas regionais podem ser usadas no tratamento contra o câncer

Karina Lima, noticias ms

Campo Grande (MS) - Medicamentos de origem natural representam grande oportunidade na busca de novas moléculas ou novo fitoterápico para tratamento ou cura de doenças. Pesquisadores da Universidade Federal da Grande Dourados têm realizado estudos com um gênero de plantas com várias espécies abundantes no cerrado, as Annonas, que englobam uma grande variedade de espécies frutíferas, conhecidas popularmente como araticum-do-cerrado ou marolo.



Equipe multidisciplinar formada pela farmacologista Candida Aparecida Leite Kassuya, a engenheira agrônoma Maria do Carmo Vieira, a química Anelise Samara Nazari Formagio e a toxicologista Arielle Cristina Arena, da UFGD, realiza pesquisas com as Annonas, por serem atrativas do ponto de vista científico. Elas afirmam que algumas espécies, como a graviola (A. muricata), demonstram a presença de componentes ativos para potencial tratamento de doenças.



A professora Cândida explica que a graviola apresenta atividade citotóxica (que é tóxico à célula ou impede o crescimento do tecido celular) sobre células tumorais de diversos tipos de câncer, demonstrando um efeito citotóxico dez mil vezes maior que a Adriamicina (agente antitumoral). “Como estamos estudando plantas do mesmo gênero da graviola, existe grande possibilidade de termos compostos com similar atividade biológica. Dentre essa plantas estão, por exemplo, o araticum-do-cerrado (A. crassiflora Mart.) e o marolo (A. coriácea). Os frutos do araticum são consumidos ‘in natura’ ou preparados para consumo regional como geleia, suco ou sorvete. O óleo das sementes é utilizado popularmente para tratar infecções enquanto a infusão de folhas ou sementes é utilizada para diarreia crônica, como cicatrizante de feridas, tratamento de doenças venéreas, acidentes com cobras e também como antirreumática”, explica.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)