Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

30/05/2006 18:43

Plantão judiciário terá dias e horários preestabelecidos

TJMS

Na última sessão do Tribunal Pleno, os desembargadores aprovaram projeto de lei para alterar resolução, que dispõe sobre o Sistema de Plantão Permanente no âmbito do Tribunal. Na prática, a proposta apenas regulamenta os horários de interposição de recurso pelos advogados. O projeto segue agora para a Assembléia Legislativa.

A proposta apenas altera o já existente plantão do Tribunal de Justiça em razão da falta de recursos materiais e humanos para atendimento, visto que servidores estão se desdobrando no período noturno, feriados e finais de semana. Antes de ser avaliada pelos componentes do Tribunal Pleno, a proposição foi aprovada pela Comissão Técnica de Regimento Interno por criar mecanismos para facilitar a operacionalização do expediente que tiver de ser apreciado fora do horário normal de trabalho.

As principais mudanças propostas são: a redução de dois para um desembargador de plantão e a indicação de um suplente para os casos de impedimento ou de suspeição; a limitação de horário do plantão para o período compreendido entre 7h e 8h e entre 18h e 19h, nos dias úteis (de segunda a sexta-feira), e entre 7h e 9h30min aos sábados, domingos e feriados; além da concessão de um dia de crédito ao servidor para compensar cada dia de plantão nos dias não considerados úteis.

O des. Claudionor Miguel Abss Duarte, presidente do TJMS, explicou que a redução de dois para um desembargador de plantão, com a designação de um suplente para os casos de impedimento e suspeição do plantonista, constitui uma inovação que dispensa a prévia distribuição do pedido entre os desembargadores de plantão, eliminando uma rotina de trabalho sem gerar qualquer prejuízo aos jurisdicionados, principalmente por se tratar de uma situação excepcional, como é o caso do plantão permanente.

Para a atual administração, que avaliza a proposta, não há necessidade da permanência de dois desembargadores de plantão no mesmo período e nem de atendimento 24h/dia para se manter ininterrupta a atividade jurisdicional, como determina a Constituição Federal: basta um desembargador e atendimento em horário preestabelecido.

Autoria do texto:

Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)