Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/01/2004 22:54

Plano de ferrovia pode criar mais de 200 mil empregos

Carolina Pimentel/ABr

O Plano de Revitalização de Ferrovias deve gerar mais de 220 mil empregos nos próximos quatro anos. O ministro dos Transportes, Anderson Adauto, esteve esta semana com representantes dos governos de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Rondônia, Maranhão, Piauí e Bahia, para debater o projeto.

O ministério informou que, até 2007, deverão ser investidos cerca de R$ 7,47 bilhões na revitalização da malha ferroviária do país. Na primeira fase de trabalho, os recursos serão direcionados à recuperação de trechos que se encontram em estado crítico, como: Araraquara-Porto de Santos/SP, variante Ipiranga-Guarapuava/PR, Recôncavo Baiano, Triângulo Mineiro-Região Metropolitana de Belo Horizonte/MG, o Ferroanel de São Paulo, o acesso ao Porto de Paranaguá/PR e o acesso ao Porto de São Francisco do Sul/SC.

A recuperação desses trechos não é de responsabilidade das concessionárias. Além deste trabalho, o plano prevê a expansão da malha ferroviária. Os recursos devem vir de Parcerias Público-Privadas (PPP).

As extensões da Ferronorte até Rondonópolis/MT e da Ferrovia Norte-Sul foram abordadas na reunião, mas necessitam de revisão dos modelos. Para a reestruturação dos pontos críticos e as primeiras expansões da malha, devem ser gastos R$ 5 bilhões em 4 anos, o equivalente a
R$ 1,25 bilhão por ano.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)