Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/02/2005 10:33

PFL vai orientar bancada a votar contra aumento

Agência Câmara

O líder do PFL, Rodrigo Maia (RJ), vai orientar sua bancada a votar contra o aumento dos subsídios dos parlamentares, mas o partido não vai fechar questão sobre o assunto. Segundo Maia, como o estatuto do PFL não prevê o fechamento de questão em casos como esse, a medida se tornaria inócua, porque não haveria punição a quem desrespeitasse a decisão.
Pessoalmente, o parlamentar do Rio de Janeiro afirma que é contra a medida porque o reajuste teria um efeito cascata em estados e municipíos. "Primeiro, haverá muita dificuldade para conseguir essa verba dentro do Orçamento de 2005. Depois vem o mais grave, pois ninguém tem condições de prever o prejuízo do efeito cascata às contas dos estados e municípios", disse Maia, que admite discutir o aumento da verba de gabinete dos deputados, desde que haja uma fonte de receita.

Outros partidos
Também o líder do PMDB, Saraiva Felipe (MG), se declara contrário ao reajuste do salário dos deputados, mas o partido só definirá uma posição oficial na semana que vem. "Eu acho perigoso tomar esse como um dos temas centrais das discussões na Câmara. Pessoalmente, acho a proposta inoportuna e extemporânea, mas é uma posição individual e a bancada decidirá a sua", afirmou. Felipe disse que também é contra o aumento da verba de gabinete dos deputados.
O Partido Verde aproveita a reunião de sua Comissão Executiva Nacional amanhã, em Brasília, para definir uma posição formal sobre o aumento dos parlamentares e outras questões que devem entrar em votação nas próximas semanas, como a Lei de Biossegurança e suas implicações para o plantio de transgênicos e para as pesquisas científicas com clonagem de embriões para células-tronco.


Reportagem - Mauro Ceccherini
Edição - Wilson Silveira


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)