Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/06/2008 11:42

PF prende 39 pessoas por suspeita de contrabando

Ivan Richard , ABr

Brasília - A Polícia Federal (PF) prendeu 39 pessoas durante a Operação Pampa, iniciada na manhã de hoje (17) para desarticular uma quadrilha de contrabandistas em atuação no Rio Grande do Sul. Com o apoio da Receita Federal, a PF está cumprindo mandados de prisão preventiva e temporária e 61 mandados de busca e apreensão em Porto Alegre e região metropolitana, em Santana do Livramento, Pelotas e no Vale do Sinos, além do estado de São Paulo.

Segundo nota divulgada pela PF, entre os presos estão os responsáveis por transportar os produtos a partir do Uruguai e Paraguai e os revendedores, que se utilizavam de lojas de fachada, inclusive com sites na internet, para revender os produtos contrabandeados.

As investigações começaram após a Operação Plata, realizada pela Polícia Federal em novembro de 2005, que desmontou uma organização criminosa especializada em contrabando, em atividade em vários estados do Brasil. Após essa ação, verificou-se que alguns dos criminosos continuavam em atividade.

Durante as investigações, informa a nota, foram efetuados 21 flagrantes de contrabando em diversas cidades gaúchas. Entre os produtos importados ilegalmente destacam-se notebooks, videogames, câmeras digitais, perfumes, CDs e DVDs virgens, queijos e até mesmo armas de fogo e munição. Em um desses flagrantes, foram apreendidas mercadorias totalizando mais de R$ 700 mil.

Os presos serão indiciados pelos crimes de contrabando e descaminho (com penas de um a quatro anos de reclusão), formação de quadrilha (com penas de um a três anos de reclusão) e tráfico internacional de arma de fogo (com penas de quatro a oito anos de reclusão).

Os mandados foram expedidos pela 3ª Vara Federal Criminal de Porto Alegre. Os presos serão ouvidos na Superintendência Regional da Polícia Federal em Porto Alegre e encaminhados para o Presídio Central e a Penitenciária Feminina Madre Pelletier. Participam da ação 270 policiais federais e 53 servidores da Receita Federal.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)