Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/01/2004 13:39

PF interroga repatriados no aeroporto em Belo Horizonte

Corban Costa/ABr

O primeiro grupo de brasileiros repatriados dos Estados Unidos, que estão chegando, no aeroporto de Confins, em Belo Horizonte (MG) terão que responder à Polícia Federal de que forma saíram do Brasil. Os 20 delegados designados para a operação querem saber se eles utilizaram passaportes falsos, onde conseguiram e de que forma. A Polícia Federal solicitou aos familiares dos 277 repatriados documentos que os identifiquem. Eles entraram nos Estados Unidos de forma ilegal e acabaram presos.

Segundo a Polícia Federal, a entrevista deve durar cerca de duas horas e meia. Cada repatriado deverá ser ouvido por 15 minutos. No caso de algum deles possuir passaporte falso, será indiciado criminalmente pela Polícia Federal. Os representantes do Ministério Público Federal também vão entrevistar os repatriados, para saber se houve violação ou maus-tratos durante o tempo em que ficaram presos.

No vôo que traz os brasileiros viajam também 20 agentes do FBI, a polícia federal dos Estados Unidos, parlamentares da comissão que negociou o repatriamento e um diplomata do Consulado do Brasil em Los Angeles. Segundo nota divulgada pelo governo americano, estão detidos atualmente mais de 1200 brasileiros naquele país. No período de outubro de 2002 a setembro de 2003 foram presos 5.246 brasileiros, por terem entrado ilegalmente pela fronteira com o México.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)