Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/10/2014 16:35

PF coloca todo efetivo na eleição e fica alerta sobre compra de votos

Campo Grande News

A Polícia Federal irá disponibilizar todo o seu efetivo, de 600 agentes, para trabalhar e ficar a disposição da Justiça Eleitoral de Mato Grosso do Sul, na eleição do segundo turno. De acordo com o superintendente da PF, Edgar Marcon, o principal foco das ações será no combate a compra de votos, com ações de fiscalização e apuração de denúncias.

"Nós estamos em alerta, existem muitos boatos sobre ações de compra de votos nesta reta final de campanha, vamos fiscalizar com afinco as denúncias que chegarem até nós e para isto teremos que ter o apoio da população", afirmou Marcon.

De acordo com o superintendente, as denúncias estão centralizadas no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), mas em casos de delito de flagrante, a Polícia Federal pode ser acionada. "Nesta situação a população pode e deve nos ligar, estamos a disposição e podemos ir a campo fazer este flagrante", apontou ele.

A população pode acionar o link do site da Justiça Eleitoral, "Web Denúncia", para fazer o relato tanto de compra de votos, como de outras irregularidades na eleição, mas também, em caso de flagrante, podem ligar para Polícia Federal, em Campo Grande, através do telefone: (67) 3368-1100. Se for no interior, deve entrar em contato com unidade da PF, da cidade correspondente.

"Até o momento a eleição está muito tranquila, mas precisamos ficar atentos a todos os movimentos neste final de eleição, por enquanto não houve nenhum caso confirmado, as denúncias não estão chegando até nós, mas esperamos receber este contato direto para fazer a checagem na hora", explicou ele.

Transporte - A Polícia Federal também vai fiscalizar novamente a eleição nas aldeias, com reforço de agentes nestes locais, para que a eleição seja tranquila como no primeiro turno. "Teremos servidores nas aldeias em Sidrolândia, Miranda, Ponta Porã, Dourados e Naviraí, além dos outros locais, faremos o monitoramento eficaz".

Marcon ainda lembrou que, no primeiro turno, não houve nenhum registro de transporte irregular na Capital e no interior, mas que novamente vai existir um trabalho de fiscalização para coibir esta prática. "Esperamos que neste segundo turno também não exista problemas".

Fakes - O superintendente da PF citou que as investigações sobre os fakes da internet ainda estão em andamento, pois exige uma série de ações como quebra de sigilo, contato direto e dados das provedoras da internet. "Nós já estávamos preparados para que acontecessem estes casos, pois certamente as redes sociais iriam ser usadas de todas as formas nesta eleição".

Denúncias - De acordo com o levantamento do TRE-MS, até o momento foram realizadas 375 denúncias a Justiça Eleitoral, ficando a propaganda nas mídias eletrônicas na liderança, com 89 ocorrências. Depois aparece a colocação de cavaletes, faixas e cartazes em vias públicas, de forma irregular, com 84 casos. Já a compra de votos fica na terceira colocação, com 59 denúncias, faltando apenas seis dias para o término das eleições.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)