Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/08/2008 14:48

PF busca desarticular esquema de fraudes no INSS em MG

Ivan Richard/ABr

Brasília - Policiais federais iniciaram hoje (12), em Araxá, Minas Gerais, uma operação para desarticular um esquema de fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara de Justiça Federal, em Uberlândia.

A Operação Lama conta com a participação de 23 servidores, entre policiais federais e servidores do Ministério da Previdência Social. As buscas ocorreram nas residências dos envolvidos, sendo que um deles é servidor do INSS, em Araxá.

Segundo a Polícia Federal (PF), as investigações tiveram início há cerca de nove meses, a partir de informações levadas à Polícia Federal pelo Ministério da Previdência. “Há indícios de que mais de 100 benefícios tenham sido fraudados, porém, esse número deve aumentar, pois há cerca de 350 procedimentos de concessão sob auditoria da autarquia. A estimativa é de que a fraude poderá atingir um rombo de R$ 15 milhões aos cofres públicos”, diz a nota divulgada pela PF.

O esquema, de acordo com a Polícia Federal, consistia na inserção de vínculos trabalhistas fictícios no sistema do INSS, suficientes para a concessão da aposentadoria por tempo de contribuição.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)