Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/07/2006 10:48

Pessoas em estado mais grave vão receber fígado primeiro

Agência do Rádio

A partir de agora, pacientes que estão na fila única de espera para o transplante de fígado vão ser selecionados de acordo com a gravidade da doença. As mudanças buscam reduzir a mortalidade que chega a 60%. Por meio de sistema informatizado, as 23 centrais de transplante de fígado vão ter acesso às informações dos pacientes e poderão classificar os casos mais graves. Hoje, sete mil pessoas aguardam por um transplante de fígado, três mil estão em São Paulo. O coordenador do Sistema Nacional de Transplantes, Roberto Shlindwein, diz que a mudança evita que pacientes, em estado grave, sofram conseqüências mais sérias.

"Com a mudança de critérios, passa-se, então, a atender o paciente mais necessitado do ponto de vista clínico, evitando dessa forma que ele sofra conseqüências de um tempo prolongado na lista de espera."

Para avaliar a gravidade do caso, será usado um modelo matemático que se baseia em três exames laboratoriais e atribui pontos para cada paciente. A pontuação vai de 6 a 40. Quanto maior o valor, maior a gravidade e menor o tempo de vida previsto para o doente. São considerados casos graves aqueles que têm índice acima de 16. O sistema é usado nos Estados Unidos, desde 2001. As doenças que mais levam à necessidade de um transplante de fígado são as agudas ou crônicas, que provocam a falência do órgão. O fígado é um dos órgãos que sofre menos rejeição em transplantes.

De Brasília, Leilane Alves

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)