Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/05/2008 16:54

Pesquisa indica que professores aprovam alunos cotistas

O pesquisador do Laboratório de Políticas Públicas da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), Renato Ferreira, apresentou há pouco, no Seminário de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, pesquisa em que 74% dos professores universitários classificam de "muito bom" o desempenho de estudantes cotistas. Ainda segundo a pesquisa, quatro entre cinco docentes acreditam que a universidade deve refletir a diversidade racial do estado.

Além disso, 77% dos professores entenderam que as relações raciais nas universidades permaneceram inalteradas com a adoção das cotas. "Isso prova que as cotas não fomentam o ódio racial, como muita gente chegou a pensar", observou.

Discussão amadurecida
Ferreira avalia que a discussão sobre cotas e ações afirmativas já está mais amadurecida no Congresso. Nos últimos sete anos foram apresentados 41 projetos de lei nesse sentido. "O debate está amadurecido e existem projetos de lei. Falta apenas vontade política para aprová-los", lamentou.

O pesquisador da Uerj Renato Ferreira apresentou ainda um mapa das ações afirmativas no ensino superior. Ele sustentou que as ações seguem pressupostos constitucionais, tais como a dignidade da pessoa, redução das desigualdades, valorização da diversidade étnica, igualdade perante a lei e autonomia universitária.

Em todo o País, 79 instituições de ensino superior já adotam ações afirmativas. A maioria delas usa a autodeclaração como forma de identificação dos candidatos.





Agência Câmara

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)