Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/03/2006 13:49

Pescadores bloqueiam há 28 horas acesso do PR a MS

Aline Queiroz / Campo Grande News

Pescadores e ribeirinhos bloqueiam há 28 horas a ponte que liga Guaira (PR) a Mundo Novo (MT), o principal acesso do Paraná a Mato Grosso do Sul. Mesmo que o protesto seja no território vizinho, equipes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) de Mato Grosso do Sul estão no local para orientar os motoristas que desejarem trafegar pelo local. Os manifestantes exigem uma definição do governo paranaense acerca de um acordo que previa a instalação da população ribeirinha em uma área no município de Guaira.

Segundo a PRF, os manifestantes afirmam que o governo descumpriu um pacto firmado há dez anos, portanto, só encerrarão o protesto quando um representante da administração estadual do Paraná apresentar propostas para resolver o problema dos pescadores e ribeirinhos. Como o protesto não tem previsão de terminar, a PRF explica que os motoristas devem procurar caminhos alternativos.

De Mato Grosso do Sul para o Paraná, os condutores podem utilizar a BR-487, quando chegar no trevo de Porto Camargo, motoristas devem virar à esquerda para continuar o percurso. Já o caminho inverso deve ser feito pela cidade paranaense de Icaraima. Veículos pequenos podem seguir viagem pela balsa do Rio Paraguai e continuar pela BR-163, porém, a jangada comporta apenas três carros por vez.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)