Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/10/2006 18:02

Pesca proibida em MS e MT a partir de 6 de novembro

Nadyenka Castro/Campo Grande News

Mato Grosso do Sul e Mato Grosso definiram o início da proibição da pesca este ano para o dia 6 de novembro a Piracema. A pesca fica proibida para garantir a reprodução dos peixes, durante a piracema. A PMA (Polícia Militar Ambiental) já começou a planejar a fiscalização e o Ministério do Trabalho, junto com a Setass (Secretaria de Estado de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária), a organizar o cadastro dos pescadores profissionais que irão receber auxilio durante o período.

Durante o chamado defeso fica proibida a pesca nos rios estaduais e federais dos dois estados vizinhos para que os cardumes possam fazer o trajeto de “subida” nos rios para se reproduzirem. Com isso, garantir que haja peixes de todas as espécies e evitar que algumas entrem em extinção ou haja superpopulação.

Até o dia 1º de março fica proibida a pesca profissional e amadora em todos os rios. No entanto, os amadores poderão pescar na modalidade pesque-e-solte a partir do dia 1º de fevereiro, conforme apurou a reportagem do Campo Grande News. Nas cabeceiras- acima das pontes velhas em Aquidauana, Coxim e Miranda- esta modalidade não será permitida em fevereiro.

Para garantir que o período de defeso seja respeitado, a PMA pretende intensificar a fiscalização. Serão montados pelo menos 15 postos em diversos rios, além dos já existentes. Também foram montadas três equipes de policiais lotados no setor administrativo em Campo Grande, que irão para o trabalho ostensivo.

Procedimento que será adotado a partir desta terça-feira, quando também passam a fazer o trabalho de fiscalização praticamente todos os policiais que fazem serviços administrativos. Estarão nas ruas até o dia 05 de novembro 255 profissionais, que além de combater a pesca predatória, também vão atuar para evitar outros crimes ambientais. A intenção é manter esse efetivo na Piracema.

O reforço começa agora porque outubro é o último mês de pesca liberada, o que aumenta o número do fluxo de turistas e, conseqüentemente, podem aumentar os abusos. Durante a piracema serão suspensas férias dos policiais.

Nos quase três meses, os profissionais que têm na pesca a única renda irão receber auxílio do governo estadual. Alguns recebem cestas básicas e outros o seguro-desemprego. Em 2005, 604 pescadores profissionais receberam cesta-básica. No ano passado, a Piracema teve início em 3 de novembro e foi até o dia 28 de fevereiro. A proibição é mais longa nas cabeceiras dos rios.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)