Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

09/02/2010 08:06

Pecuaristas de MT querem remuneração pela exportação de miúdos

A Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat) defende a remuneração dos pecuaristas pelo fornecimento de subprodutos bovinos, como os miúdos, cujas exportações cresceram no ano passado, principalmente para a China. As vendas de carne bovina de MT para o mercado chinês cresceram 125% no ano passado. A participação da China nas exportações no Estado passou de 4% para 9%. A Acrimat aposta na expansão das vendas para a China, por causa da aceitação de Mato Grosso como Estado livre da febre aftosa, junto com outros 12 Estados brasileiros. O superintendente da Acrimat, Luciano Vacari, disse que é necessário um grande trabalho para exportar mais carne para o mercado chinês. — Enquanto essa realidade não muda, temos que mudar a forma de remunerar o pecuarista, que não recebe nada pelo fornecimento de subprodutos bovinos. As indústrias frigoríficas precisam enxergar o produtor como parceiro, para que tenhamos uma cadeia do setor mais consolidada — disse Vacari. As exportações totais de miúdos de Mato Grosso entre 2008 e 2009 registraram crescimento de 29,2%, aumento de US$ 6,6 milhões no valor arrecadado, segundo informações do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). Esse crescimento se deu em razão do aumento nos embarques para a China, que cresceram no ano passado 47,8%, enquanto para outros países houve uma retração no valor exportado de 17,0%. As exportações totais de carne bovina de Mato Grosso foram de 15,4 milhões de toneladas em equivalente carcaça, que proporcionaram receita de US$ 39,4 milhões. Em relação ao desempenho do ano anterior, houve queda de 18% no volume exportado e de 26% na receita.


Estado

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)