Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/12/2009 19:44

PEC que aumenta número de auditores no TCE/MS é aprovada

Campo Grande News/ João Humberto

A Assembleia Legislativa aprovou nesta semana a PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 06/09, que aumenta de três para seis o número de auditores do TCE/MS (Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul). A autoria da proposta é do deputado estadual Ary Rigo (PSDB).

De acordo com Rigo, após a implantação da LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal) e do Plano Nacional de Modernização dos Tribunais, houve um acréscimo de exigências e atividades das inspetorias e, por isso, é que houve a necessidade do aumento do número de auditores.

Rigo também destaca que, além dos seis auditores, será mantido também o cargo de Procurador Geral que, pelo texto da PEC, passa a ser Procurador Chefe. Quanto à nova denominação que trata a proposta, o Ministério Público Especial junto ao TCE passa a ser Ministério Público de Contas, conforme recomendação da Associação Nacional do Ministério Público de Contas.

Antes dessa, o deputado Rigo também apresentou a PEC 04/09, que inclui mais categorias profissionais para a nomeação de auditores no TCE, além das ciências jurídicas e econômicas, contábeis e administração pública.

A proposta, aprovada pela Assembleia Legislativa, mantém essas mesmas profissões e acrescenta outras cinco: matemática, engenharia, arquitetura, estatística e ciências autuarias – alterando os critérios para participação em concurso para auditor, que for realizado pelo TCE/MS.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)