Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

17/05/2005 13:49

PEC aumenta mandatos para seis anos e proíbe reeleição

Agência Câmara

Tramita na Câmara a Proposta de Emenda à Constituição 390/05, que proíbe a reeleição do presidente da República, dos governadores e dos prefeitos e de todos aqueles que os tiverem substituído nos seis meses anteriores ao pleito. A única exceção é para o cargo de vice-presidente da República.
A PEC, de autoria do deputado Dr. Benedito Dias (PP-AP), propõe também mandato de seis anos para todos os cargos eletivos, inclusive senadores, com eleições simultâneas e posse a partir de 1º de janeiro do ano subseqüente ao da eleição, passando esse sistema a vigorar a partir de 2010.

Mandato excepcional
Como a próxima eleição para senadores será no próximo ano, a proposta prevê para eles um mandato excepcional de apenas quatro anos. Já no caso dos prefeitos e vereadores, que terão eleições somente em 2008, a PEC propõe mandato de dois anos para esse pleito específico e abre uma exceção para os eleitos nesse ano, facultando-lhes a reeleição.

Custo das eleições
Para o autor da proposta, o principal aperfeiçoamento trazido pela proposta é a maior racionalização do processo eleitoral brasileiro. De acordo com Dr. Benedito Dias, eleições a cada seis anos reduzem os custos – seja do TSE, que nas eleições municipais de 2004 gastou aproximadamente R$ 600 milhões, seja dos candidatos.
Para o parlamentar, essas modificações tornam mais clara para o eleitor a identidade ideológica dos partidos – reforçando o elo programático entre todas as candidaturas. Além disso, Dr. Benedito Dias (PP-AP) acredita que, com as mudanças, os políticos eleitos terão o período de tempo adequado para realizar com êxito a gestão pública, no Executivo ou no Legislativo.
O deputado argumenta ainda que, embora a realização de eleições gerais após os 21 anos de regime militar tenha renovado o sentimento de civismo entre a população, a repetição das mesmas estratégias de campanha em anos intercalados pode estar causando um certo cansaço, um desinteresse provocado pela sucessiva repetição das eleições.

Tramitação
A proposta tramita em conjunto com a PEC 211/95, que está sob análise da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Se aprovada a admissibilidade das propostas, será criada uma comissão especial para avaliar o mérito.

Reportagem - Newton Araújo Jr.
Edição - Regina Céli Assumpção

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)