Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/12/2005 06:46

Pauta do leite fica 40% acima do esperado

Fernanda Mathias/Campo Grande News

A pauta do leite in natura nas operações interestaduais foi reajustada para baixo, mas o valor caiu aquém do que o setor produtivo esperado. Segundo informações da coordenadora da Câmara Setorial do Leite, Adriana Mascarenhas, dada na última sexta-feira, o setor sugeriu que o valor de referência para cobrança de ICMS (Imposto Sobre Circulação de Serviços e Mercadorias) ficasse em R$ 0,30 por litro, diante de uma pauta que até então estava a R$ 0,65.
A SERC (Secretaria de Estado de Receita e Controle) publicou hoje portaria que reduz a pauta a R$ 0,42 nas operações interestaduais, valor 40% maior que o pleiteado. Nas operações internas o litro do leite fica a R$ 0,33.
O pedido de redução da pauta, segundo Adriana Mascarenhas, ocorreu para que o leite produzido em Mato Grosso do Sul fique mais competitivo para ser captado por indústrias de outros Estados, uma vez que os laticínios locais estão superestocados e isso acaba depreciando o preço do produto. Em reunião ocorrida semana passada alguns produtores chegaram a apresentar preços de R$ 0,15 recebidos pelo litro de leite e muitos estão recebendo R$ 0,23, quando no começo do ano o valor chegou a R$ 0,65. O represamento se agravo com a febre aftosa constatada em Mundo Novo, Eldorado e Japorã.
Os atuais patamares, conforme o coordenador a Comissão de Leite do SRCG (Sindicato Rural de Campo Grande), Denis Vilela, coloca os produtores em um dilema: entre alimentar os animais ou os próprios filhos, diante da renda extremamente achatada.
No Estado 70% dos 32 mil produtores de leite são pequenos, ou seja, produzem de 50 a 60 litros de leite por dia.
Também ficou abaixo do esperado a redução da pauta sobre a mussarela. A sugestão foi de R$ 4,00 mas o governo baixou para R$ 4,80, valor 20% acima do esperado. Tanto no caso da mussarela quanto do leite os valores da pauta já incluem os impostos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)