Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

07/04/2011 18:43

Parentes relatam os momentos de pânico vividos por estudantes de escola no Rio

Vladimir Platonow, Agência Brasil

Rio de Janeiro – Os momentos de pânico vividos hoje (7) pelos estudantes da Escola Municipal Tasso da Silveira, vão sendo, aos poucos, remontados por meio de relatos deles e também de parentes que foram ao local ao saberem que um atirador havia disparado, com tiros de revólver, contra vários alunos.

Vários desses parentes passaram, durante a tarde, pelo Hospital Estadual Albert Schweitzer, para onde foram levados inicialmente 13 dos feridos. “Ele [o atirador, Wellington Menezes da Silveira] entrou na sala, vestindo um jaleco, dizendo que ia dar uma palestra e começou a atirar. Minha filha pegou o celular para pedir socorro, quando ele atirou nela. O tiro pegou na barriga”, contou a dona de casa Veronice Gomes de Lima, mãe de Renata, de 13 anos, do 8º ano.

A menina foi operada e, segundo a mãe, não corre risco de morrer. Mas o trauma vai levar um tempo para ser esquecido. “Ela não quer voltar para a escola. Não sei o que eu vou fazer”.

Maior tristeza viveu a família de Samira Pires Ribeiro, de 13 anos, também do 8º ano. “Ela levou um tiro na testa e morreu”, relatou Valéria Pires, irmã da estudante. “A minha mãe está em estado de choque.”

Dentro do hospital, os parentes estão recebendo atendimento psicológico para tentar superar a perda. “Eles estão arrasados, precisando de todo o apoio. A ficha ainda não caiu. Agora é momento de trabalhar esse luto, para tentar um reequilíbrio e uma reinserção na sociedade. Porque eles precisam caminhar e continuar suas vidas”, disse a psicóloga Helena Beatriz.

Edição: Lana Cristina

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)