Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

23/12/2003 07:03

Parceria que pode beneficiar 16 mil jovens

Agência Brasil

O ministro do Trabalho e Emprego, Jaques Wagner, e o secretário de Políticas Públicas de Emprego, Remígio Todeschini, assinaram ontem com o presidente do Sebrae, Silvano Gianni, um convênio no valor de R$ 100 milhões para aplicar no programa Primeiro Emprego.
A parceria, que tornará possível o Programa Jovem Empreendedor (Projer), concederá crédito aos jovens entre 18 e 24 anos para iniciar um empreendimento e fornecer qualificação profissional.

“Nossa intenção é aproveitar a principal especialidade do Sebrae, que é estimular o empreendedorismo, para orientar, formar e treinar na área de gestão os futuros micro e pequenos empresários", disse o ministro do Trabalho e Emprego, Jaques Wagner.

O projeto, que será implementado em todo o Brasil, capacitará 16 mil jovens para a criação de micro e pequenas empresas, observando as necessidades do mercado de trabalho.

Os recursos para o investimento serão do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) e contarão com o Fundo de Aval do Programa de Geração de Emprego e Renda (Funproger) e Fundo de Aval às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (FAMPE/SEBRAE) para as garantias aos empréstimos concedidos.

A abrangência do Proger se estenderá além dos limites estipulados para o Projeto Primeiro Emprego, não ficando restrito a jovens com 2º grau incompleto e que tenham renda familiar de até meio salário mínimo por pessoa.

Para micro e pequenas empresas formais, o limite de crédito é de R$ 50 mil e o prazo de pagamento é de até 84 meses, com 18 de carência.

Na modalidade autoemprego, o teto de financiamento é de R$ 10 mil, e o prazo para pagamento é de até 48 meses com 12 de carência. E para as cooperativas, o valor a ser financiado pode chegar até a R$ 5 mil por beneficiário ou R$ 100 mil para a cooperativa.

“Se nós quisermos fazer crescimento econômico, devemos gerar novos negócios e os pequenos e micro negócios são as maiores fontes de emprego do país”, afirmou o ministro.

Com informações do Ministério do Trabalho.





Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)