Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/01/2012 13:45

Paranaíba: mães reclamam da falta de vaga em creche

Jornal Tribuna Livre On Line

Mães que precisam trabalhar estão com dificuldades para conseguirem vagas nos Centros de Educação Infantil, em Paranaíba. Conforme relato de algumas delas, muitas pessoas passaram a noite na porta do Ceinf Antônia Mainardi Ovídio para tentar conseguir uma vaga para seus filhos.

Eliane Guilherme de Freitas contou que no dia 23 de dezembro foi até o Ceinf para conseguir uma vaga para a filha de um ano e sete meses, pois ela pretende voltar a trabalhar. No Ceinf, foi informada que deveria voltar no dia 23 de janeiro para fazer a matrícula da filha. “Quando eu fui lá, cheguei 4h30 e tava tudo lotado, outras pessoas reclamaram falando que tinha gente de lá de dentro da creche segurando vaga. A gente precisa trabalhar e não tem condições de pagar uma babá para cuidar”, descreveu.

Eliane disse ainda que estavam disponíveis apenas 15 vagas para o berçário. Ela ressaltou que a direção informou que caso sobrem vagas após o início das aulas serão chamadas as crianças da lista de espera. “Mais de 30 pessoas procuraram vagas no Jardim I, II e III”, disse.

Conforme a secretária de Educação, Jane Paula da Silva Colombo, há a falta de vagas em quase todos os Ceinfs, mas a Secretaria está buscando uma solução para o problema. Jane disse que está tentando conseguir salas nas escolas estaduais para os alunos da rede municipal de educação, para assim criar mais salas dos Ceinfs nas escolas municipais.

A secretária disse também que ainda não tem os números de quantos alunos serão atendidos pela rede municipal em 2012 e nem quantas vagas estão disponíveis na rede, mas após um balanço poderá dar informações mais detalhadas.

Maria Rita Alves de Freitas, diretora do Ceinf Antonia Mainardi Ovídio, explicou que não foram criadas novas vagas para 2012, e sim os alunos apenas aumentaram a série, por isso apenas o berçário tem vagas. A diretora ainda disse que após começar as aulas é possível saber quantas vagas restarão, pois os alunos que não frequentarem as aulas nos primeiros dias perderão a vaga, assim sobrará vagas. Ela frisou que o Ceinf trabalha acima da capacidade.

Segundo o Conselho Tutelar, só pode haver intervenção após os pais procurarem o Conselho e fazerem uma notificação; após isso a Secretaria será notificada oficialmente e se não resolver o problema o caso é encaminhado ao Ministério Público. Este ano, conforme o Conselho, não é a primeira vez que faltam vagas, em anos anteriores após notificada, a Secretaria sempre consegue a vaga.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)