Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/07/2017 17:01

Paranaiba: ‘maracujá gigante’ cresce em propriedade da agricultura familiar

Redação
Maracujá Açu, chamado de 'gigante' tem gosto similar ao do melão e pode ser usado em mousses e sucos (Foto: Divulgação)Maracujá Açu, chamado de 'gigante' tem gosto similar ao do melão e pode ser usado em mousses e sucos (Foto: Divulgação)

 

Quem o vê pela primeira vez, acha que é um mamão. Mas na verdade é um maracujá. Fruta nativa do Brasil, ela pode ser cultivada em quase todo o território nacional por conta das condições climáticas. Entretanto é em Paranaíba (a 422 km de Campo Grande) que um tipo vem chamando a atenção.

O maracujá Açu, também chamado de ‘gigante’, é tradicional na cidade sul-mato-grossense. Possui uma casca esverdeada e a polpa é mais consistente e um tanto esbranquiçada se comparada ao da tradicional fruta que conhecemos à venda nos mercados.

O tamanho exagerado não é o único diferencial. O sabor o fruto é similar ao melão e de sua polpa é possível à produção de mousse, suco e até mesmo o consumo de forma natural.

Por conta da rentabilidade desse tipo de maracujá e a facilidade do cultivo, que demanda pequenas áreas e pouca mão-de-obra, a Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), órgão ligado ao Governo do Estado, vem incentivando o plantio da fruta.

O diretor-presidente da Agraer, Enelvo Felini, esteve no último final de semana junto do secretário municipal de Indústria,Comércio, Turismo, Agricultura e Pecuária, Claudio Eduardo Agi, em propriedades de Paranaíba onde avaliaram a lavoura do maracujá gigante afim de incentivar seu cultivo.

Plano de agência estadual é incentivar e aumentar o plantio do maracujá nas lavouras sul-mato-grossensesPlano de agência estadual é incentivar e aumentar o plantio do maracujá nas lavouras sul-mato-grossenses
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)