Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/07/2016 13:00

Paracetamol varia até 3.800% em uma mesma cidade do Brasil

EPharma Notícias

Uma pesquisa realizada pelo Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ) mostra que a diferença de preço entre o mesmo medicamento genérico pode chegar a 5.436% entre uma capital brasileira e outra. O levantamento foi realizado em 342 farmácias distribuídas em 16 das principais cidades de todas as regiões do país.

A pesquisa também revela que a diferença de valores está aumentando com o tempo: em setembro de 2015, quando foi feita a primeira edição do estudo, a variação dos preços nas drogarias de uma capital a outra chegava “apenas” a 1.970%.

Publicidade

Dentro de uma mesma cidade, destaque para Curitiba, capital do Paraná, onde o analgésico Paracetamol — utilizado no tratamento de dores e febre — tem uma variação de preços superior a 3.868% entre um estabelecimento e outro dentro do município.

De acordo com o diretor do estudo, Marcus Vinicius Andrade, essa diferença de preços está baseada principalmente no poder de compra e negociações das redes ou distribuidoras com os laboratórios farmacêuticos. "Logística, tarifação de impostos e o perfil de loja são outros fatores influenciadores", diz.

Segundo ele, no atual momento de crise econômica, o consumidor precisa redobrar a atenção quanto aos valores ofertados. Neste caso, o hábito de pesquisar as diferenças de preços em supermercados deve ser replicado na ida à farmácia.

Veja, no infográfico, onde é preciso ter mais atenção na hora de comprar um remédio.

Para analisar o infográfico acesse o link abaixo:

http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/paracetamol-varia-ate-3-800-em-uma-mesma-cidade-do-brasil

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)