Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/09/2009 09:48

Para TRE, posse de suplentes depende de mudança em lei

Aline dos Santos, Campo Grande News

O presidente do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), desembargador Luiz Carlos Santini, afirma que a posse dos suplentes de vereador depende de mudanças na LOM (Lei Orgânica do Município).

“Como a LOM de Campo Grande estabelece 21 vereadores, se não for alterada a lei, não pode ampliar para 27”, declarou durante entrevista ao jornal Bom Dia MS, da TV Morena.

A PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que redimensiona o número de vagas nas Câmaras de Vereadores foi promulgada ontem, após ser aprovada pela Câmara Federal. Com a PEC, Mato Grosso do Sul terá mais 117 vereadores. Na Capital, a Câmara passa de 21 para 27 vereadores.

O projeto criou 24 faixas com o número máximo de vereadores permitido para as Câmaras, de acordo com a população de cada município. A Capital tem 724 mil habitantes, portanto, fica incluída na faixa entre 600 mil e 750 mil habitantes, que prevê o máximo de 27 parlamentares.

Contudo, a mudança causa polêmica por retroagir ao processo eleitoral de 2008. Desta forma, o cálculo do quociente eleitoral terá que ser refeito. No cálculo, dividem-se os votos válidos pelos lugares a preencher nas Câmaras de Vereadores.

Apesar da PEC garantir a posse imediata e da pressão dos suplentes, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ainda deve se manifestar. Ontem, presidente do TSE, ministro Carlos Ayres Britto, lembrou que em 2007 a Corte editou resolução na qual estabeleceu o dia 30 de junho de 2008 como data limite para promulgação de uma emenda constitucional alterando o número de vereadores da atual legislatura.

O presidente do TSE explicou que não comentaria se a emenda vai ser cumprida ou não porque nesse caso seria avaliar a sua constitucionalidade. O presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Cézar Britto, afirmou que vai recorrer ao STF (Supremo Tribunal Federal) caso a Justiça Eleitoral comece a dar posse aos suplentes. (Matéria editada às 8h36 para acréscimo de informação).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)