Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

19/05/2007 11:01

Para Delcídio, Zeca perdeu a chance de disputar o Senado

Paulo Fernandes/Campo Grande News

Na avaliação do senador petista Delcídio do Amaral, o ex-governador Zeca do PT perdeu a chance de se candidatar uma vaga no Senado. O senador disse em entrevista ao Diário Corumbaense durante encontro do PT ontem, em Corumbá, que não tem interesse em disputar a Prefeitura de Campo Grande e que é candidato à reeleição. Zeca do PT e Delcídio podem disputar dentro do partido à candidatura.

O clima de hostilidade entre os dois marcou o encontro partidário sobre o futuro do PT e estratégias para as eleições de 2008. Zeca e Delcídio sequer se cumprimentaram. “O Zeca perdeu a oportunidade. Ele podia ter saído candidato. O combinado era que o Egon assumiria o Governo. O Zeca desistiu e o Egon teve uma candidatura adaptada, de última hora. Teve menos tempo, como eu, que estava na CPI dos Correios e só pude ir para a campanha bem depois do meu adversário”, disse.

Delcídio ressaltou que se Zeca pretende ser candidato ao Senado terá que disputar a vaga nas prévias do partido. “Se ele pretende disputar, o PT não é partido de caciques. O PT vai avaliar o que é melhor; qual candidatura é melhor”, afirmou.

Mentiroso? - A declaração do ex-governador Zeca do PT de que Delcídio estaria “falando inverdades”– por dizer que lideranças petistas não se empenharam na campanha ao Governo do Estado - foi rebatida pelo senador. “Pergunta para o povo. O povo sabe que tivemos liderança que trabalharam bastante. E outras que não. Mas esse assunto passou (...) Temos que olhar para frente”, afirmou.

Ao explicar que não seria candidato a prefeito de Campo Grande, Delcídio prometeu que fará o que certas lideranças do partido não teriam feito por ele. “Meu título é de Corumbá. O PT terá bons candidatos em Campo Grande e eu serei cabo eleitoral. Fiz 32% em Campo Grande. Mas não serei cabo de ficar rebolando, fingindo que está fazendo campanha”, disse.

O senador criticou também o silêncio do ex-governador. “O Zeca ficou cinco meses enclausurado. Ele não quis falar com ninguém. Passou cinco meses hibernando e acordou achando que era 1º de janeiro”, disse.

Mosca na sopa - Delcídio reiterou que permanece no PT e levantou dúvidas sobre a permanência do ex-governador. O senador disse que é Zeca que “está louquinho para sair” do partido e prometeu, parafraseando uma música de Raul Seixas, ser “a mosca na sopa” do ex-governador.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)