Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

13/03/2007 14:13

Papa diz que segundo casamento é praga

O papa Bento XVI reafirmou a necessidade do celibato para os sacerdotes e a proibição de divorciados de receber a comunhão no Sacramentum Caritatis, documento divulgado pelo Vaticano, nesta terça-feira, que rege a celebração de missas. "O celibato sacerdotal, vivido com maturidade, alegria e dedicação, é uma bênção enorme para a igreja e para a própria sociedade", diz o texto na primeira parte da exortação sobre Eucaristia, Mistério Acreditado.
» Opine sobre o novo documento

Ainda no documento, Bento XVI classificou como "uma verdadeira praga" o segundo casamento de pessoas já divorciadas. "Trata-se de um problema pastoral espinhoso e complexo, uma verdadeira praga do ambiente social contemporâneo que vai, progressivamente, corroendo os próprios ambientes católicos", diz o documento.

Ele defendeu também o uso do latim em grandes celebrações e pediu que se valorize o canto gregoriano na liturgia. "É necessário que se valorize adequadamente o canto gregoriano como próprio da liturgia romana... é necessário evitar a improvisação genérica ou a introdução de gêneros musicais que não respeitem o sentido da liturgia", diz o documento.

Recado a políticos
Na exortação apostólica pós-sinodal sobre Eucaristia Sacramentum Caritatis ¿ O Sacramento do Amor, o papa fez recomendações para algumas das questões mais discutidas na Igreja, tendo como base recomendações do último Sínodo dos Bispos, realizado em outubro de 2005.

No documento divulgado nesta terça-feira, Bento XVI deu ênfase a sua contrariedade com políticos e legisladores assumidamente católicos que defendem leis em desacordo com a posição da Igreja. O Papa disse que eles não devem votar a favor de leis que vão contra a natureza humana e a família construída sobre o matrimônio entre homem e mulher.

Segundo vaticanistas, Bento 16 deu um claro recado aos governantes europeus que discutem leis a favor da eutanásia, do casamento entre homossexuais e do aborto. Confirmando recomendação do Sínodo dos Bispos, os divorciados católicos continuarão sem o direito de receber a comunhão. Com relação à falta de padres nas paróquias, o papa manteve a mesma recomendação dos bispos: uma distribuição mais eqüitativa do clero e um trabalho efetivo com os jovens para favorecer a vocação sacerdotal. No texto do documento oficial do Vaticano, Bento 16 reforça a necessidade do fiel católico de confirmar publicamente sua própria fé, principalmente, em momentos em que deve tomar decisões de valores fundamentais e para a promoção do bem comum em todas as suas formas.


BBC Brasil

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)