Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/02/2006 11:03

País decide não importar frango e derivados

Lourenço Melo/ABr

O Brasil deixará de importar aves e todos os seus derivados dos países que forem apontados pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) como afetados pela ocorrência da influenza aviária, conhecida como gripe do frango, conforme resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A publicação da resolução saiu na última quinta-feira (23) no Diário Oficial da União.

Na internet, a OIE expõe informações sobre ocorrências da doença em cada país, em todas as áreas de produção animal. Como o Brasil é um dos maiores exportadores de carnes brancas, o movimento de importação é pequeno nessa área. Na resolução, a Anvisa salienta "a necessidade de constante aperfeiçoamento das atividades de vigilância sanitária, em função do atual contexto epidemiológico internacional humano e animal", além de apontar a importância dessa possível epidemia dados os riscos da doença à saúde humana.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento determinou nesta semana a proibição da entrada no país de carne de frango in natura, aves adultas vivas, penas e outros produtos sem tratamento procedentes da Índia e do Iraque, uma vez que esses dois países comunicaram à OIE a ocorrência da gripe aviária.

Conforme o Departamento de Saúde Animal do ministério, sempre que a organização registra um caso de gripe do frango, "o governo brasileiro suspende, logo em seguida, as importações de aves, carne de aves in natura e produtos não submetidos a tratamentos, do país onde ocorreu o problema".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)