Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/09/2016 09:00

Os bebês de 4 a 6 meses

Clickbebe.net

Você está entrando o segundo trimestre!

A característica deste mês será a habilidade visual do bebê. Como o bebê aprende a usar seus dois olhos ao mesmo tempo, ele começa a ver tudo com mais detalhes, com o que poderá, portanto, se concentrar em muitas coisas.

Ele já senta com mais autonomia, embora por vezes precise de apoio para erguer a cabeça, que é bastante pesada para ele.

Atenção: ele pode levar tudo à boca! A mãe deverá estar atenta não só à segurança do bebê, mas também ao material com que as coisas, brinquedos ou acessórios, são feitas.

Ele já gosta de brincar com os brinquedos que têm pequenos chocalhos ou sininhos, sendo que brincadeiras de sentar, bater e chutar são interessantes. E também os jogos de esconder e procurar!

Tal brincadeira é provavelmente a favorita do bebê: cobrindo o próprio rosto com um pedaço de pano, a mãe pode perguntar “onde está sua mãe?” e a seguir exclamar: “sou eu!”. Não há bebê que não ria com isso. Cócegas é outra brincadeira que os bebês adoram.

Deve-se continuar a estimulá-lo com sílabas ou palavras curtas e é bem provável que o bebê comece a balbuciar “ma-mã”, pois ele principia a combinar vogais e consoantes e repete de modo seguido tudo o que criar.

Ele já está com plena habilidade auditiva e, por isso, aumenta o interesse nas vozes ao seu alcance e na própria voz. O bebê aprende e emite novas sílabas continuadamente. Se a mãe falar de modo suave com ele, o bebê se acalma e sorri; se a mãe fala irritada com o bebê, ele começa a chorar. O bebê fica entediado quando está sozinho, e ser deixado só por muito tempo pode ajudar a mantê-lo afastado de pessoas no futuro.

Alguns bebês começam a se alimentar de comidas sólidas neste mês. Por isso, a mãe pode dar papinhas para o bebê, embora continue a amamentá-lo no peito, desde que o pediatra concorde com isso.

5° mês do bebê

A aceleração no crescimento do bebê é evidente: ele, que já produz diferentes sons e sílabas durante todo o dia, provavelmente já diz “pa-pá”, “ma-mã” e outras pequeninas palavras.

Os bebês dizem as palavras sem saber seu significado. No entanto, eles percebem que elas agradam quem está perto. Ele sorri e tenta se comunicar. O bebê olha para a mãe quando ela diz o nome dele? Bom sinal: isto já mostra assimilação do próprio nome. Se ele não tem motivos para chorar, mas chora, a mãe pode conversar com ele. Na maior parte das vezes o bebê para de chorar, se alguém fala com ele. O bebê emite sons em tons muito diferentes. Alguns são criados pelo próprio bebê, outros são imitações do que ele ouve. Ele também pode imitar o que vê, pois o bebê quer tocar, segurar e sentir o gosto de tudo que esteja a seu alcance.

É também neste mês que o bebê começa a engatinhar. A mãe deve ter muito cuidado com esta novidade, pois se ele estiver sozinho na cama pode engatinhar até cair no chão. O bebê também tenta se levantar, a fim de se sentar e há aqueles podem se sentar por conta própria, caindo logo após.

Neste mês, durante o dia o bebê pode dormir em torno de 1 hora, 3 a 4 vezes por dia. Mas há os que preferem dormir 5 a 6 vezes no dia, cerca de meia hora a cada vez. Outros dormem 2 horas, 2 vezes por dia.

A mãe deve organizar o tempo de forma a mantê-lo acordado para que ele queira dormir durante a noite. No 5° mês, de 14 a 15 horas de sono por dia é suficiente para o bebê.

Dormir, defecar e tomar banho passam a ocorrer em momentos específicos e, neste mês, o bebê geralmente atinge o dobro do peso que tinha ao nascer.

Ele também começa a estranhar gente que nunca havia sido vista e a sentir a falta da mãe, se ela foi até a sala buscar alguma coisa, chorando e voltando a se animar quando ela volta.

6° mês do bebê

Agora o bebê está muito ativo. Neste período, mudar a fralda também começa a ser difícil. O bebê engatinha, gosta de se virar e se mexe muito.

Já senta com mais facilidade, sem precisar de ajuda. A mãe pode continuar a apoiar o bebê com travesseiros, para que ele fique sentado com mais facilidade. Se for disposto um brinquedo na frente dele, ele pode se manter sentado por mais tempo.

Alguns bebês podem sentar-se corretamente sem qualquer apoio e ele costuma sinalizar se está ou precisando de algum suporte. Ele pode tentar levantar-se segurando em alguém ou em algo. O bebê continua a colocar as coisas em sua boca e isto requer muita atenção, pois agora pode ser que seus dentes estejam começando a nascer e isto produz coceira.

Os seus olhos começam a ficar com a cor permanente e quando o bebê não pode ver a mãe, ele pode sentir medo e chorar, pois já reconhece que ela é sua protetora e quer atenção.

Neste mês o bebê pode acordar todas as manhãs no mesmo horário. É bom que todos os dias ele tenha duas sessões regulares de sono, uma na manhã e outra à tarde.

Sua dieta começa a mudar para ter comida de bebês, mas é desejável que a mãe mantenha ainda a amamentação natural.

A mente do bebê se desenvolve com rapidez cada vez maior. Agora, ele começa a planejar as ações à frente. Mesmo que ele não fale, o bebê já reconhece palavras como “mamãe”, “papai”, “banheirinha” ou “fralda”.

O crescimento dos dentes pode ser algo diferente para cada bebê, mas geralmente eles começam a nascer durante o 6 º mês e isto pode deixá-lo incomodado e irritadiço, como se estivesse meio adoentado. Pode até haver alguma febre, mas febre de 38º C não deve ocorrer apenas por conta do nascimento dos dentes. Então caso a febre esteja neste limite, a mãe deve procurar o médico pediatra.

Com o nascimento dos dentes, o bebê vai querer morder tudo o tempo inteiro e mordedores poderão ajudar bastante. A mãe pode identificar onde os dentes vão crescer, por uma cor mais escura nas gengivas.

Embora alguns destes dentes venham a ser naturalmente substituídos aos 6 a 7 anos, pois são “dentes-de-leite”, devem ser muito bem cuidados com uma suave escovação ou por limpeza feita com um paninho limpo umedecido.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)